sicnot

Perfil

País

Criança de dois anos mordida por um pitbull em Rio Maior

Uma criança de dois anos ficou em estado grave após ter sido mordida por um cão de raça pitbull, em Azambujeira, concelho de Rio Maior, disse à agência Lusa fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Santarém.

(SIC/ Arquivo)

O alerta foi dado por volta das 12:00, tendo resultado "num ferido grave", informou fonte do CDOS de Santarém.

Segundo o socorrista dos Bombeiros de Rio Maior que esteve no local, Vítor Carvalho, a menina de dois anos "foi mordida na face", apresentando uma "ferida com alguma dimensão".

Depois de ter sido transportada para o Hospital de Santarém, a vítima já terá sido transferida para "um hospital de Lisboa", referiu.

O socorrista afirmou à agência Lusa que, de acordo com as pessoas presentes no local, a criança já tinha dado uma festa ao cão sendo que, quando se voltou a aproximar do mesmo, que se encontrava "dentro do quintal de uma propriedade", o pitbull mordeu a criança.

Fonte da GNR de Santarém referiu que o cão "mordeu uma só vez na face esquerda e largou logo a criança".

"O cão estava na casa dos proprietários, que eram amigos da mãe da criança. Aconteceu tudo em espaço privado", acrescentou, em declarações à Lusa.

De acordo com a fonte da GNR, o veterinário municipal vai deslocar-se ao local para fazer "analisar a situação".

No local, estiveram quatro operacionais e dois veículos da GNR de Santarém e dos Bombeiros de Rio Maior.

Lusa

  • Rúben Lima nega crimes de corrupção no processo Cashball
    6:04

    Desporto

    Rúben Lima, um dos oito jogadores suspeitos de terem sido aliciados por intermediários ao serviço do Sporting para beneficiar o clube de Alvalade, nega todos os crimes investigados pela Polícia Judiciária. Numa entrevista exclusiva à SIC, o jogador do Moreirense garante que não conhece nenhum dos quatro arguidos detidos no âmbito do processo Cashball.

    Exclusivo SIC

  • Partido Podemos com votação inédita em Espanha
    1:32

    Mundo

    Há uma votação inédita em Espanha. O Podemos começou esta terça-feira a decidir a continuidade do líder do partido, depois de Pablo Iglesias e a companheira terem comprado uma casa de 600 mil euros.

  • A maior obra de reconversão urbana em Portugal 20 anos depois
    3:47