sicnot

Perfil

País

Primeiro-ministro inaugura dia 18 o primeiro "espaço do cidadão" em Paris

O primeiro-ministro anunciou hoje que vai inaugurar no próximo sábado, dia 18, o primeiro "espaço do cidadão" em Paris, onde os portugueses poderão tratar de 60 serviços, desde a carta da condução ao registo criminal.

ETIENNE LAURENT/POOL

António Costa fez este anúncio no palco da festa portuguesa da Rádio Alfa, que anualmente junta milhares de pessoas, nos arredores de Paris, onde também estavam o Presidente da República, o ministro da Defesa, o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas, e deputados eleitos pela emigração.

"No próximo dia 18, eu e o secretário de Estado das Comunidades Portuguesas teremos a oportunidade de inaugurar aqui em Paris o primeiro espaço do cidadão, onde será possível tratar diretamente com mais de oito entidades diferentes em Portugal", declarou, recebendo palmas da assistência.

António Costa acrescentou que nesse espaço os cidadãos portugueses poderão tratar de "mais de 60 serviços diferentes, sem terem de ir a Portugal, desde a carta de condução ao registo criminal, para que seja cada vez menos difícil ser português fora de Portugal".

Em seguida, o primeiro-ministro comunicou aos emigrantes e lusodescendentes que durante esta visita a Paris o Presidente francês, François Hollande, "teve a oportunidade de dizer que considera prioritário investir no ensino da língua portuguesa", considerando-a "uma língua global", e não apenas para os portugueses.

"E isso é um passo de gigante para o ensino do português aqui em França", considerou.

No dia 18, o primeiro-ministro, António Costa, assistirá ao jogo de Portugal contra a Áustria, precisamente em Paris.

No final deste discurso, o primeiro-ministro pediu aos portugueses residentes França que apoiem a seleção nacional de futebol para que esta sinta que "está a jogar em casa" no Euro 2016 e manifestou-se confinante numa boa prestação de Portugal.

"Essa seleção vai estar aqui durante um mês a bater-se até chegar à final", vaticinou. "E é em casa que vai ganhar", rematou.

António Costa afirmou que esta visita conjunta com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa a Paris, demonstra que partilham "uma preocupação fundamental: estar cada vez mais próximo das comunidades portuguesas valorizar cada vez mais as comunidades portuguesas".

Lusa

  • Manuel Delgado demitiu-se devido a "grave violação da privacidade"

    País

    O ex-secretário de Estado da Saúde diz que apresentou a demissão para "não perturbar nem criar qualquer tipo de embaraço ao normal funcionamento do Governo". Num comunicado, Manuel Delgado esclarece que foi remunerado pelo trabalho de consultor na Raríssimas "muito antes" da entrada no Governo e acrescenta que respeitou na íntegra todo o quadro legal e ético.

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Tripulantes da TAP acusam companhia de desrespeitar compromissos
    3:16

    Economia

    O Sindicato que representa os tripulantes da TAP acusa a empresa de estar a violar a lei. A companhia aérea portuguesa denunciou unilateralmente o acordo de empresa com os tripulantes e apresentou novas condições, que o sindicato considera indignas. Diz que os tripulantes fizeram esforços pela companhia no verão e que agora estão a ser desrespeitados.

  • Uma "Árvore da Esperança" pelas vítimas dos fogos
    2:01
  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28