sicnot

Perfil

País

Trabalhadores dos CTT de Famalicão exigem trabalhar menos

Trabalhadores dos CTT de Famalicão exigem trabalhar menos

Os trabalhadores dos CTT de Vila Nova de Famalicão estão hoje em greve. Queixam-se da carga horária e exigem trabalhar menos horas, assim como a contratação de mais funcionários. O Sindicato dos Trabalhadores dos Correios diz que há apenas 30 carteiros num centro onde já trabalharam 42. Já os CTT não preveem consequências graves e dizem que ainda não há candidatos para as duas vagas abertas.

  • Despenalização da eutanásia votada na terça-feira no Parlamento
    2:04
  • Há companhias aéreas a contratar. TAP é uma delas
    1:28

    Economia

    Com o crescimento do turismo, que continua a bater recordes, as companhias aéreas querem profissionais para reforçar as rotas com maior procura e oferecer novos destinos. Só a TAP prevê contratar mais 700 pessoas este ano para várias funções, incluindo 300 tripulantes de cabina e 170 pilotos.

  • O bombeiro herói que recebe 267 euros de pensão
    2:36
  • Funcionários dos EUA na Coreia do Norte para preparar cimeira
    2:19