sicnot

Perfil

País

Veículos elétricos do Estado poupam 11 toneladas de CO2

Os 30 veículos elétricos do Estado evitaram a emissão de 11 toneladas de dióxido de carbono (CO2) ao fazerem mais de 100.000 quilómetros em cerca de 20.000 viagens realizadas essencialmente em meio urbano, indicou hoje o Ministério do Ambiente.

Em comunicado, o Ministério do Ambiente adianta que "a utilização destes veículos elétricos apresentou um custo médio de 0,03 euros por quilómetro, conduzindo a uma poupança acumulada superior a 6.000 euros, valores que evidenciam as vantagens associadas à mobilidade elétrica".

Os 30 veículos elétricos estão em circulação desde outubro de 2015 e fazem parte da fase piloto do Programa de Apoio à Mobilidade Elétrica na Administração Pública (AP), que envolve 12 entidades da administração direta do Estado e institutos públicos dos ministérios das Finanças e do Ambiente.

Segundo o Ministério do Ambiente, os indicadores de acompanhamento do programa são retirados do sistema de monitorização do Programa de Apoio à Mobilidade Elétrica na AP, que contabiliza a redução efetiva de emissões, poupanças e os custos associados à mobilidade elétrica, além de um conjunto de indicadores sobre a mobilidade no Estado e o desempenho dos veículos elétricos.

O Ministério avança também que este sistema "constitui uma ferramenta que apoia a gestão da mobilidade e a sensibilização dos condutores para uma condução ecológica".

O Programa de Apoio à Mobilidade Elétrica na AP visa a aquisição progressiva de 1.200 veículos elétricos para o Parque de Veículos do Estado (PVE), com vista à renovação da frota de veículos com mais de 10 anos.

O Ministério do Ambiente adianta que o programa tem como objetivo promover a descarbonização e a melhoria do desempenho ambiental do PVE, promover a mobilidade elétrica e contribuir para a redução dos custos da frota do estado.

O Programa de Apoio à Mobilidade Elétrica na AP enquadra-se no ECO.mob - Programa para a Mobilidade Sustentável na AP - e é financiado pelo Fundo Português de Carbono.


Lusa

  • Zeca Afonso morreu há 30 anos
    1:11
  • Mariana Mortágua acusa Governo anterior de deixar escapar milhões para offshores
    1:39

    Opinião

    Mariana Mortágua e Adolfo Mesquita estiveram na Edição da Noite da SIC Notícias para mais um Esquerda Direita. Mariana Mortágua acusou o Governo anterior de, por opção ou negligência, ter deixado escapar 10 mil milhões de euros para offshores. Já Adolfo Mesquita Nunes, do CDS-PP, desvalorizou o assunto afirmando que serve apenas para desviar as atenções da questão da Caixa Geral de Depósitos

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.