sicnot

Perfil

País

Retomadas buscas no Rio Cávado para encontrar criança

As buscas no rio Cávado, em Barcelos, para tentar encontrar um menino de seis anos estão a ser retomadas, com três embarcações na água e várias equipas a prepararem-se para mergulhar, informou fonte dos bombeiros.

HUGO DELGADO

"As buscas estão a ser retomadas. Já temos três barcos na água e várias equipas vão iniciar o mergulho. Neste momento estão 20 operacionais no terreno", disse à Lusa José Simões, adjunto do comando dos Voluntários de Barcelos.

As buscas iniciaram-se na sexta-feira às 13:00 e foram suspensas às 19:30.

Uma mulher de 37 anos ter-se-á atirado na sexta-feira da ponte de Rio Covo Santa Eugénia, em Barcelos, com um filho ao colo.

A mulher foi resgatada da água por um popular, que para o efeito utilizou o seu barco.

Foi transportada para o Hospital de Braga.

O Ministério Público determinou a abertura de um inquérito para investigação dos factos, sublinhando que eles "podem integrar, em abstrato, a prática de infração criminal de natureza pública, nomeadamente o crime de homicídio qualificado, na forma tentada ou consumada".

Lusa

  • Detido dono do cão que feriu criança com gravidade

    País

    O dono do cão de raça Rottweiler que esta terça-feira feriu com gravidade uma criança de quatro anos em Matosinhos foi detido pela PSP e o animal já foi recolhido no canil municipal, informou fonte oficial da autarquia.

  • A fuga dos PIDES
    20:08
  • Desconhecem-se as causas do incêndio na fábrica da Tratolixo
    0:43

    País

    Os moradores de Trajouce, em São Domingos de Rana, não ganharam para o susto com um incêndio nas instalações da empresa de resíduos Tratolixo.O alerta foi dado por populares e trabalhadores da empresa. O vento foi o maior problema dos bombeiros no combate às chamas durante a noite. No local estiveram 133 homens, apoiados por 51 viaturas.Desconhecem-se para já as causas do incêndio. O incêndio foi circunscrito de madrugada, mas pode demorar algumas horas a ser dominado.

  • Duas execução no mesmo dia pela primeira vez em 17 anos nos EUA

    Mundo

    O estado norte-americano do Arkansas (sul) executou, na noite de segunda-feira, dois condenados à morte, o que sucede pela primeira vez em 17 anos no país, anunciou a procuradora-geral daquele estado. Jack Jones e Marcel Williams, condenados separadamente na década de 1990 à pena capital por violação e assassínio, receberam uma injeção letal depois de diferentes tribunais terem rejeitado os respetivos recursos, afirmou Leslie Rutledge, em comunicado.