sicnot

Perfil

País

ASAE apreendeu 35 toneladas de cimento em todo o país

A Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) apreendeu na última semana em todo o país cerca de 35 toneladas de cimento, por incumprimento das instruções de segurança, podendo pôr em causa a segurança das obras de construção.

(Arquivo)

(Arquivo)

LUSA

Em comunicado hoje divulgado, a ASAE adiantou ter fiscalizado a nível nacional cerca de 20 operadores económicos, apreendendo cerca de 35 toneladas de cimento e instaurado os respetivos processos de contraordenação.

Na operação foram registadas infrações como a "falta de marcação CE, falta de declaração de desempenho, incumprimento das instruções de segurança, podendo pôr em causa o desempenho das obras de construção no que se refere aos seus requisitos básicos".

A ASAE avançou que o valor total da apreensão ascendeu aos 3.550 euros.

"Esta intervenção da ASAE impediu que fossem disponibilizados no mercado cimentos não conforme com a legislação, garantindo deste modo a lealdade das transações comercias, a rastreabilidade dos produtos, uma ocorrência sã e a proteção do Mercado Interno", é destacado.

A ASAE realçou ainda que a ação de fiscalização de mercado realizada na última semana em todo o país visou a verificação do cumprimento dos requisitos legais obrigatórios em produtos da construção, designadamente composição, especificações e critérios de conformidade em cimentos correntes.


Lusa

  • A semana em revista

    Mundo

    Com a semana a chegar ao fim, a SIC Notícias apresenta-lhe, num único artigo, os destaques que marcaram a atualidade nos últimos dias. Um espaço onde pode ficar a saber, ou simplesmente recordar, os temas que marcaram a semana noticiosa.

    André de Jesus

  • Registadas mais de 500 queimadas em 12 horas

    País

    A Proteção Civil registou esta sexta-feira, no distrito de Viana do Castelo, entre as 06:00 e as 18:00, 515 queimadas, mais cerca de uma centena das contabilizadas na quinta-feira, sendo que três terão dado origem a incêndios florestais.