sicnot

Perfil

País

Ministro da Saúde quer concursos públicos para diretores de serviço

O ministro da Saúde anunciou hoje que a sua equipa está a trabalhar para que qualquer cargo de diretor de serviço passe a ser objeto de concurso público, terminando assim a nomeação por convite.

Adalberto Campos Fernandes, ministro da Saúde

Adalberto Campos Fernandes, ministro da Saúde

LUSA

Adalberto Campos Fernandes falava na Comissão Parlamentar da Saúde a propósito de um requerimento apresentado pelo PCP sobre "os problemas existentes no Hospital Distrital de Santarém".

Os deputados dos vários grupos parlamentares questionaram o ministro sobre as dificuldades neste hospital, que têm sido divulgadas na comunicação social, e que resultam, em parte, da falta de profissionais.

Para Adalberto Campos Fernandes, contribui para esta dificuldade em angariar profissionais "a degradação da imagem do hospital, das suas condições de funcionamento e da sua reputação".

A este propósito, anunciou que este governo está a trabalhar para que os cargos de diretor de serviço sejam objeto de concurso público, isto porque "a nomeação por convite fecha competências".

Segundo o ministro, se um hospital tem uma posição de direção de serviço em aberto, deve disso dar conhecimento para que outras pessoas possam concorrer.

Além deste ponto específico do Hospital de Distrital de Santarém, o ministro responde hoje aos deputados da Comissão de Saúde sobre a política geral do Ministério e outros assuntos de atualidade.

Lusa

  • "Não vou ceder, não vou render-me, não vou desistir da candidatura"
    2:02
  • Obama, Presidente francês?
    1:55

    Mundo

    A resposta é óbvia, mas não demoveu quatro franceses, descontentes com os candidatos às Presidenciais no seu país. A ideia começou como brincadeira, mas já recolheu 43 mil assinaturas. 

  • Trump apanhado a ensaiar no carro
    1:08
  • Mulheres democratas de branco para mostrar que não abdicam dos diretos conquistados

    Mundo

    Uma "mancha branca" sobressaiu esta terça-feira no Congresso norte-americano, durante o primeiro discurso de Donald Trump. A maioria das 66 mulheres representantes e delegadas do Partido Democrata vestiram-se de branco, num ato simbólico a fazer recordar o movimento sufragista feminino, que encorajava as apoiantes a vestirem-se de branco. Tal como então, a cor da pureza foi agora recuperada, desta feita para mostrar a Trump que as mulheres não abdicam dos direitos conquistados no início do século XX.

  • Treinador do "The Biggest Loser" teve ataque cardíaco

    Mundo

    Foi o próprio Bob Harper que partilhou a notícia no seu Instagram. O ex-treinador do famoso programa de televisão sofreu um ataque cardíaco enquanto treinava no ginásio. Esteve oito dias internado mas, felizmente, já está em casa a recuperar.

  • Prisões recebem manual para lidar com fugas
    2:07

    País

    O Governo vai fazer o maior investimento de sempre nos serviços prisionais. São 2.600 milhões de euros para reforçar a segurança nas prisões. Entretanto. já foi distribuído um manual de procedimentos em caso de fuga.