sicnot

Perfil

País

Alunos vão fazer provas de aferição a Artes, Desporto, História e Fisico-Quimica

No próximo ano letivo, os alunos do 2.º ano vão fazer provas de aferição a Expressões Artísticas e Físico-Motoras, os do 5.º testam os conhecimentos a História e Geografia e os do 8.º a Físico-Química.

As informações constam do despacho de Calendário Escolar, que foi publicado na noite de sexta-feira e define as datas de início e fim das aulas, mas também das provas que os alunos terão de realizar no próximo ano letivo, que começa entre os dias 9 e 15 de setembro.

Segundo aquele diploma, no próximo ano letivo, os estudantes do 2.º ano vão fazer provas a Expressões Artísticas e Físico-Motoras, Português, Matemática e Estudo do Meio.

Já os estudantes do 5.º ano terão de realizar testes a História, Geografia de Portugal, Matemática e Ciências Naturais e os do 8.º a Ciências Naturais, Físico-Química e Português.

Obrigatórias para todos os alunos, as provas de aferição vão realizar-se durante o mês de junho, com exceção das de Expressões Artísticas e Físico-Motoras que serão no início de maio.

As provas de aferição não contam para a nota dos alunos, ao contrário do que acontecia com os exames nacionais do 4.º e 6.º ano, que deixaram de se realizar este ano.

O Calendário Escolar define também as datas dos exames finais nacionais e das provas finais do 3.º ciclo, assim como das provas de equivalência à frequência dos ensinos básico e secundário.

Nos últimos dias, diretores de escolas e pais criticaram o "timing" de divulgação deste documento, que consideram que deveria ser conhecido mais cedo e ter uma duração de pelo menos três anos.

Pais de professores criticam o facto de saber apenas no final das aulas a data em que começa o ano letivo seguinte, o que dificulta a organização da vida das famílias e o trabalho de preparação do ano nas escolas.

Segundo o diploma, as aulas para o ensino básico e secundário vão começar entre os dias 9 e 15 de setembro. As férias do Natal serão entre 19 de dezembro e 2 de janeiro e as da Páscoa entre 5 e 18 de abril.

As aulas terminam durante o mês de junho: primeiro para os alunos do 9.º, 11.º e 12.º anos (no dia 6), depois para o 5.º, 6.º, 7.º, 8.º e 10.º anos (a 16 de junho) e, finalmente, a 23 de junho para todos os estudantes do ensino básico.

Lusa

  • BE diz que é urgente preparar o país para a saída do euro
    1:10

    País

    Catarina Martins diz que é urgente preparar o país para o cenário de saída do euro. No final da reunião da mesa nacional do Bloco de Esquerda, a coordenadora do partido criticou o encontro de líderes europeus em Roma e disse ainda que a Europa da convergência chegou ao fim.

  • "Mais UE não significa mais Europa"
    0:50

    País

    O secretário-geral do PCP insiste nas críticas à União Europeia. Um dia depois da comemoração dos 60 anos do Tratado de Roma, Jerónimo de Sousa defendeu, no Seixal, que o modelo europeu está esgotado e prejudica vários países, incluindo Portugal.

  • Aplicação WhatsApp acusada de permitir conversas secretas entre terroristas
    1:45
  • "Um Lugar ao Sol"
    17:05
    Perdidos e Achados

    Perdidos e Achados

    SÁBADO NO JORNAL DA NOITE

    O Perdidos e Achados foi conhecer como eram as férias de outros tempos. Quando o Estado Novo controlava o lazer dos trabalhadores e criava a ilusão de um país exemplar. Na Costa de Caparica, onde é hoje o complexo do INATEL estava instalada a maior colónia de férias do país, chamava-se "Um Lugar ao Sol".