sicnot

Perfil

País

Quatro dos 17 detidos na Operação Roda Viva proibidos de exercer atividade

Quatro dos 17 detidos na operação Roda Viva, que investiga suspeitas de fraude nas inspeções automóveis, estão proibidos de exercer atividade e de contactos. Durante a operação, da Unidade Nacional de Combate a Corrtpção da Polícia Judiciária, foram constituídos 20 arguidos, mas apenas 17 foram detidos e levados ao juiz de instrução. Entre os detidos há um inspetor e dois seguranças da Polícia Judiciária, um agente da PSP e um cabo reformado da GNR.

(Arquivo/SIC)

(Arquivo/SIC)

O esquema montado na zona da Grande Lisboa envolvia funcionários, proprietários de oficinas e centros de inspeção que recebiam dinheiro para emitirem ilegalmente certificados de inspeção. Os 17 arguidos foram presentes ao Tribunal de Instrução Criminal. O Ministério Público pediu prisão preventiva para quatro deles, mas o juiz decidiu-se pela proibição de contactos e de exercerem a atividade profissional.

  • "Este é o elefante na sala sobre a saúde!"
    1:43

    País

    Catarina Martins acusa o Governo de estar alinhado com a direita na promoção de negócios privados na área da saúde. O Bloco de Esquerda quer uma nova lei de bases aprovada até ao final da legislatura e arrancou ontem com um ciclo nacional de sessões públicas para defender o Serviço Nacional de Saúde.

  • Marido de idosa que morreu na Sertã teve de caminhar durante duas horas para pedir ajuda
    1:44

    País

    A Altice garantiu esta sexta-feira que tentou agendar, por duas vezes, a reposição da linha telefónica na casa da idosa da Sertã, que morreu na semana passada por não ter comunicações que permitissem um socorro rápido. A mulher sentiu-se mal e o marido teve de caminhar durante duas horas para conseguir chegar à casa do vizinho mais próximo e pedir ajuda.

  • "No meu bairro perguntam-me se a medalha é de ouro e dizem que ma vão roubar e vender"
    4:46
  • Como é que alguém (Rúben Semedo) com tanto pode perder tudo?
    3:05