sicnot

Perfil

País

Jovem de Penafiel morreu sem que os médicos diagnosticassem o tumor de que sofria

Jovem de Penafiel morreu sem que os médicos diagnosticassem o tumor de que sofria

Uma jovem de Paredes morreu após três anos de sofrimento e 11 visitas às urgências do Hospital de Penafiel. Os médicos diagnosticaram sempre ansiedade e não detetaram um tumor que tinha na cabeça, como se verificou na autópsia. A jovem de 19 anos tinha dores de cabeça frequentes, vómitos e perdas de consciência.

  • Ministro da Saúde pede inspeção ao caso da morte da jovem de Penafiel
    0:34

    País

    O ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, garante que já pediu à inspeção das atividades em saúde que iniciassem um processo de esclarecimento sobre o caso da jovem que morreu em Penafiel, sem que lhe tivesse sido diagnosticado cancro. Depois de 11 idas às urgências, os médicos apontaram sempre para uma situação de ansiedade e não detetaram o tumor que tinha na cabeça.

  • Racionamento da água é medida de último recurso
    2:35
  • "Estamos Vivos": o processo de reabilitação depois dos incêndios
    1:22