sicnot

Perfil

País

Marcelo arrica-se a encontrar Sócrates na inauguração do Espaço Torga

O ex-primeiro-ministro está em São Martinho de Anta na inauguração do espaço que impulsionou durante o seu mandato. Será o primeiro encontro com Marcelo depois das presidencias.

© Hugo Correia / Reuters

O ex primeiro-minitsro, José Sócrates, está hoje presente na inauguração do Espaço Torga, em São Martinho de Anta, Sabrosa.

O espaço que homenageia o escritor e que foi projetado pelo arquiteto Souto Moura. é oficialmente inaugurado hoje, numa cerimónia presidida pelo chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa.

Será a primeira vez, após as eleições presidenciais, que o ex-chefe de governo se vai cruzar com o presidente da República.

Este edifício, construído na terra natal de Miguel Torga, contou com o apoio pessoal de José Sócrates, tendo sido convidado pelo presidente da Câmara de Sabrosa, José Marques, para esta inauguração.

Marcelo arrancou hoje com a segunda edição da iniciativa Portugal Próximo que, até quarta-feira, o vai levar aos distritos de Vila Real, Bragança e Guarda.

Com Lusa

  • O fim do julgamento do caso BPN, seis anos depois
    2:26

    País

    O antigo presidente do BPN José Oliveira Costa tentou adiar o fim do julgamento principal do caso com um recurso para o Tribunal Constitucional. Apesar disso, a leitura do acórdão continua marcada para esta quarta-feira, quase seis anos e meio depois de os 15 arguidos se terem sentado pela primeira vez no banco dos réus.

  • José Oliveira Costa, o rosto do buraco financeiro do BPN
    3:04

    País

    José Oliveira Costa foi o homem forte do BPN durante 10 anos e tornou-se o rosto do gigantesco buraco financeiro. Manteve-se em silêncio durante todo o julgamento, mas falou aos deputados da comissão de inquérito, para negar qualquer envolvimento no escândalo que fez ruir o BPN.

  • Saída do Procedimento por Défice Excessivo marca debate no Parlamento
    1:40
  • Filhos tentam anular casamento de pai de 101 anos

    País

    O casamento de um homem de 101 anos com uma mulher com metade da idade, em Bragança, está a ser contestado judicialmente pelos filhos do idoso, que acusam aquela que era empregada da família de querer ser herdeira.