sicnot

Perfil

País

Presidente da República desconhece visita de homólogo da Guiné Equatorial a Portugal

O presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, disse hoje desconhecer a visita a Portugal do homólogo da Guiné Equatorial, na próxima sexta-feira.

ANT\303\223NIO COTRIM

O presidente da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang Nguema, visita a sede da Comunidade de Países de Língua Oficial Portuguesa (CPLP), em Lisboa, adiantou à agência Lusa fonte da organização.

"Eu não estou na sede da CPLP, mas eu nem sabia que vinha cá", respondeu o presidente português, em declarações à Lusa.

"Vou ver", acrescentou o chefe de Estado, à margem de uma visita ao espaço cultural Miguel Torga, em Sabrosa, Vila Real, no âmbito da iniciativa "Portugal Próximo", durante a qual visitará durante dois dias e meio os distrito de Vila Real, Bragança e Guarda.

A visita do Presidente equato-guineense à sede da CPLP decorre a convite pessoal do secretário-executivo da organização lusófona, Murade Murargy.

A fonte da organização não soube adiantar qual a agenda de Teodoro Obiang Nguema em Portugal.

A Guiné Equatorial aderiu à CPLP em julho de 2014, na reunião de chefes de Estado e de Governo realizada em Díli, Timor-Leste.

Em declarações à Lusa no mês passado, o ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva, afirmou que o Governo não convidou Teodoro Obiang a visitar Portugal, ressalvando que um eventual convite teria de ser feito "a outro nível", ou seja, através da Presidência portuguesa.

Mas, adiantou, o executivo "olhará com atenção para o programa e para os interesses que possa haver".

Lusa

  • Negligência é a principal causa dos incêndios
    1:32

    País

    A Polícia Judiciária deteve mais dois suspeitos de fogo posto este fim de semana. Ao todo já foram detidas pelo menos 99 pessoas pelas autoridades desde o início do ano, a maioria suspeitas de agirem intencionalmente. Mas desde 1 de janeiro até meados deste mês, dos 8 mil incêndios investigados pela GNR, mais de 3.300 tiveram causa negligente. 

  • Nicolás Maduro quer convocar "cimeira mundial de solidariedade"

    Mundo

    O Presidente venezuelano, Nicolás Maduro, reiterou este sábado que convocará uma "cimeira mundial de solidariedade" com o país, que permita atenuar a "campanha criminosa" que considera existir contra a Venezuela, cujo Governo está cada vez mais isolado internacionalmente.

  • Concentração de motos em Góis
    2:28

    País

    Durante este fim de semana, decorre uma das concentrações de motards mais concorridas do país. A organização esperava cerca de 20 mil visitantes em Góis.