sicnot

Perfil

País

Fim de semana quente e sem precipitação

O fim de semana vai ser quente, sem previsão de ocorrência de aguaceiros e com temperaturas acima dos 30 graus Celsius, podendo atingir os 38 em Évora e Beja, disse à agência Lusa a meteorologista Madalena Rodrigues.

© Jose Manuel Ribeiro / Reuters

"Hoje vamos ter um dia com céu muito nublado, com muita nebulosidade durante a manhã nas regiões do litoral centro e sul, que vai dissipar ao longo do dia", disse a especialista do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Segundo Madalena Rodrigues, hoje há condições para aguaceiros que podem fortes e de granizo, em especial nas regiões do interior, mas as temperaturas estão acima dos 30 graus, exceto nas regiões do litoral oeste.

No que diz respeito a sexta-feira, Madalena Rodrigues salientou que vai ser um dia de céu pouco nublado ou limpo, apenas com nebulosidade baixa no litoral que pode ser de chuva ou chuvisco.

"À tarde estamos a prever um aumento temporário da nebulosidade nas regiões do interior, mas com probabilidade baixa de ocorrerem aguaceiros. Uma situação diferente da de hoje", disse.

Quanto ao fim de semana, segundo a especialista do IPMA, vai ser quente e sem ocorrência de precipitação.

"Vamos ter céu pouco nublado ou limpo, alguma nebulosidade no interior durante a tarde, e uma pequena subida da temperatura. No fim de semana vamos ter temperaturas altas, em especial no Vale do Tejo e região sul. Estão previstos por exemplo 38/39 graus para Évora e Beja", declarou.

Segundo Madalena Rodrigues, as temperaturas vão estar mais ou menos dentro da ordem de grandeza das que estiveram no domingo, quando algumas regiões do país registaram 40 graus de máxima.

"Em Lisboa vão ser mais baixas do que no fim de semana passado, devendo rondar os 31, mas, de qualquer forma, vão estar acima dos 30 graus. No interior sul, centro e norte vão variar entre 33 e 35", concluiu.

O IPMA prevê para hoje no continente períodos de céu muito nublado, apresentando-se em geral muito nublado no litoral oeste até final da manhã, podendo persistir em alguns locais ao longo do dia, aguaceiros, que poderão ser por vezes fortes, de granizo e acompanhados de trovoada, em especial durante a tarde e nas regiões do interior.

Está também previsto vento fraco, soprando temporariamente moderado de noroeste no litoral oeste durante a tarde, neblina ou nevoeiro matinal no litoral oeste e pequena descida da temperatura máxima no litoral norte e região centro.

Na Madeira prevê-se períodos de céu muito nublado e vento moderado de nor-nordeste, soprando moderado a forte nas terras altas.

Para os Açores, a previsão aponta para céu muito nublado, com boas abertas a partir da manhã, neblinas ou nevoeiro, períodos de chuva fraca ou chuvisco e vento sudoeste bonançoso a moderado.

No que diz respeito às temperaturas, em Lisboa vão variar entre 19 e 32 graus Celsius, no Porto entre 18 e 27, em Vila Real entre 18 e 32, em Viseu entre 18 e 31, em Bragança entre 16 e 31, na Guarda entre 16 e 26, em Coimbra entre 18 e 31, em Castelo Branco entre 18 e 30, em Santarém entre 18 e 34, em Évora entre 19 e 33, em Beja entre 18 e 33, em Faro entre 19 e 25, no Funchal entre 18 e 24, em Ponta Delgada e na Horta entre 19 e 24 e em Santa Cruz das Flores entre 20 e 24.

Lusa

  • O tempo para hoje
    0:21

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê, para o continente, períodos de céu muito nublado, apresentando-se em geral muito nublado no litoral oeste até final da manhã, podendo persistir em alguns locais ao longo do dia, aguaceiros, que poderão ser por vezes fortes, de granizo e acompanhados de trovoada, em especial durante a tarde e nas regiões do interior.

  • O dia que roubou dezenas de vidas em Pedrógrão Grande
    3:47
  • Metade dos moradores de Sandinha recusaram sair das casas
    3:14
  • Habitantes de Várzeas tentam regressar à normalidade
    2:48
  • Corpos da tragédia em Pedrógão guardados em camião de alimentos
    8:11

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Duarte Nuno Vieira, médico legista, esteve esta quinta-feira, na Edição da Noite, para comentar o que já foi feito e o que falta fazer em Pedrógão Grande, depois de ter sido atingido pelos incêndios. O presidente do Conselho Europeu de Medicina Legal defendeu que guardar os corpos das vítimas mortais num camião de alimentos foi uma "maneira de solucionar o problema da forma possível", visto que não há espaço no Instituto Nacional De Medicina Legal.

  • Trump volta a garantir que não tentou interferir na investigação do FBI
    0:17

    Mundo

    O Presidente dos EUA reitera que não tentou interferir na investigação do FBI em relação às alegadas interferências da Rússia nas eleições presidenciais. Questionado sobre as gravações das conversas que manteve com o ex-diretor da polícia de investigação, James Comey, Donald Trump prometeu esclarecimentos num futuro breve.

  • "A informação pode ter saído depois da hora do exame de Português"
    1:19

    País

    O presidente da Confederação Nacional das Associações de Pais diz que é preciso aguardar pelas conclusões do relatório sobre a alegada fuga de informação do exame nacional de Português. Jorge Ascensão defende que a investigação deve causar o mínimo de impacto aos alunos que realizaram a prova.