sicnot

Perfil

País

Governo reitera que oferta da TDT permite mais quatro canais

O ministro da Cultura reiterou esta terça-feira a decisão, aprovada em Conselho de Ministros, que vai permitir alargar a oferta na televisão digital terrestre (TDT) em mais quatro canais, dois públicos e dois privados.

© STRINGER Mexico / Reuters

O esclarecimento do ministro da Cultura, Luís Castro Mendes, surge no dia em que o jornal Público noticiou que "TDT só dá para mais três canais", salientando que o regulador "contraria Governo, que quer acrescentar quatro canais grátis".

"Depois de oito anos de inércia, conseguimos encontrar uma solução que vai beneficiar diretamente cerca de dois milhões e meio de cidadãos que têm na TDT o único acesso a conteúdos televisivos. É esta circunstância que importa frisar. Há um milhão de lares que hoje têm apenas acesso a cinco canais de televisão e que em breve vão poder aceder gratuitamente a mais quatro", referiu o ministro, numa nota enviada à comunicação social.

O governante reiterou que dois dos canais serão responsabilidade da RTP, nomeadamente a RTP3 e RTP Memória, e outros dois serão repartidos pelos operadores privados, em concurso a lançar oportunamente.

"A solução encontrada para acomodar estes novos canais foi desenvolvida pela PT e baseia-se na utilização de tecnologia de última geração, que permite a descodificação do sinal, de modo a preservar a sua qualidade", esclareceu o Governo.

"Foram feitos estudos e realizados testes sobre a capacidade da rede por parte do operador de distribuição responsável que o regulador do setor acompanhou", disse, acrescentando que a Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom), "tal como referiu hoje em comunicado, reconhece e aplaude esta solução que permite uma maior otimização da capacidade existente".

O ministro reiterou que "esta medida não representa custos adicionais para o Orçamento Geral do Estado e vai impactar positivamente cerca de 2,5 milhões de cidadãos".

Luís Castro Mendes espera que a oferta da RTP3 e RTP Memória esteja disponível na TDT até ao final do verão.

Atualmente, a TDT disponibiliza a RTP1, RTP2, SIC, TVI e canal Parlamento.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.