sicnot

Perfil

País

Enfermeiros no Algarve ameaçam intensificar greve devido à falta de profissionais

O Sindicato dos Enfermeiros exige "admissão imediata" de enfermeiros para o Algarve, questionando por que motivo o Ministério da Saúde suprime apenas necessidades de médicos naquela região, e ameaça intensificar a greve marcada para 28 e 29 de julho.

O SEP reagia assim a um despacho publicado na segunda-feira, em Diário da República, que determina as carências de médicos, por especialidade, para várias regiões do país, sendo o Centro Hospitalar do Algarve a instituição com necessidades mais gritantes.

O diploma, assinado pelo secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Fernando Araújo, identifica os serviços e estabelecimentos do Serviço Nacional de Saúde (SNS), com "comprovada carência de pessoal médico, por área profissional de especialização".

Ao todo são 736 os especialistas em falta nos hospitais públicos do país, dos quais 51 só no Centro Hospitalar do Algarve, a instituição com maior carência.

Perante este despacho, o SEP de Faro quer saber se "o setor da saúde só necessita de médicos" e pergunta para quando a contratação urgente de enfermeiros e a autorização de mobilidade.

O sindicato questiona a tutela sobre quando será publicada a "nova portaria dos concursos negociada com o SEP, que permitirá que o concurso para admissão de enfermeiros (que estava em andamento) desbloqueie", e pergunta igualmente quando será adotada uma medida específica para o Algarve, semelhante à dos médicos, para a admissão de enfermeiros.

A direção regional de Faro do SEP considera que estas são "mais razões que levam os enfermeiros do Algarve a aderir à greve de 28 e 29 de julho", que se "intensificará" naquela região.


Lusa

  • As crianças e o frio. O que vestir
    1:58

    País

    O médico Pedro Ribeiro da Silva, da Direção-Geral da Saúde, aconselha especial cuidado com as extremidades do corpo - usar luvas e gorros. E demasiado agasalhadas pode levá-as a transpirar mais e, consequentemente, desidratar.

  • Mortágua acusa PSD de andar a brincar com a vida das pessoas
    0:47

    Opinião

    No Esquerda/Direita da SIC Notícias, António Leitão Amaro reafirmou ontem à noite que o PSD não é contra o aumento do salário mínimo mas contra a descida da TSU. Já Mariana Mortágua acusou os sociais-democratas de andar a brincar com a vida dos portugueses.

  • Pelo menos 30 mortos e 75 feridos em incêndio e derrocada de edifício em Teerão

    Mundo

    Pelo menos 30 bombeiros morreram esta quinta-feira e cerca de 75 pessoas ficaram feridas em Teerão, quando um edifício de 17 andares ruiu depois de ser consumido pelas chamas, noticiaram os meios de comunicação estatais iranianos. O edifício "Plasco" situa-se no centro da capital iraniana, a norte da zona do mercado.

    Em desenvolvimento

  • Os finalistas do Carro do Ano 2017 são...
    0:53

    Economia

    São sete os escolhidos pelos jurados do Carro do Ano, iniciativa do Expresso e da SIC Notícias. À final chegaram o Citroen C3 Pure Tech, o Hyundai IONIQ Hybrid Tech, da Kia o novo modelo Optima Sportwagon 1.7 CRDi GT Line, o Peugeot 3008 Allure 1.6 BlueHdi, o Renault Mégane Sport Tourer Energy dCI, o SEAT Ateca 1.6 TDI CR Style e ainda o Volvo V90.