sicnot

Perfil

País

O tempo para hoje

O tempo para hoje

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para hoje, no continente, céu geralmente limpo, vento em geral fraco do quadrante norte, soprando moderado no litoral oeste, sendo moderado a forte até meio da manhã e a partir do final da tarde nas terras altas, e subida da temperatura máxima.

Na Madeira prevê-se períodos de céu muito nublado, apresentando-se geralmente pouco nublado nas vertentes sul e vento moderado de nordeste, soprando moderado a forte nas terras altas.

Para os Açores, a previsão aponta para céu muito nublado, com abertas para a tarde, neblinas, especialmente durante a madrugada e manhã, aguaceiros fracos e vento fraco.

No que diz respeito às temperaturas, em Lisboa vão variar entre 16 e 29 graus Celsius, no Porto entre 13 e 27, em Vila Real e em Viseu entre 12 e 28, em Bragança entre 11 e 27, na Guarda entre 10 e 26, em Coimbra entre 11 e 30, em Castelo Branco entre 16 e 33, em Santarém entre 13 e 33, em Évora e Beja entre 14 e 36, em Faro entre 20 e 35, no Funchal entre 20 e 27, em Ponta Delgada, Horta e Santa Cruz das Flores entre 20 e 25.

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45
  • A rã que brilha no escuro
    2:08
  • Indonésio encontrado dentro de cobra pitão

    Mundo

    Akbar Salubiro, de 25 anos, esteve perto de 24 horas desaparecido na remota ilha indonésia de Sulawesi. Acabou por ser encontrado um dia depois, no jardim da própria casa, dentro de uma pitão de 7 metros.

  • Relação de Portugal com Angola é "insubstituível"
    1:00

    País

    Paulo Portas considera que a relação de Portugal com Angola é insubstituível. Numa entrevista ao Jornal de Negócios, o ex vice-primeiro-ministro defende que o país deve ser profissional no relacionamento político com Luanda.

  • Abertura da lagoa de Santo André atrai surfistas e bodyboarders
    4:15
  • Tecnologia permite a tetraplégico mexer mão e braço

    Mundo

    Um homem que ficou tetraplégico num acidente voltou a mover-se com a ajuda da tecnologia e apenas usando o pensamento, num projeto de investigadores dos Estados Unidos divulgado esta terça-feira na revista especializada em medicina The Lancet.