sicnot

Perfil

País

Governo vai reforçar Unidade de Coordenação Antiterrorismo

Governo vai reforçar Unidade de Coordenação Antiterrorismo

O Governo decidiu hoje em Conselho de Ministros reforçar o funcionamento da Unidade de Coordenação Antiterrorismo. A ministra da Justiça assegura que não está em causa um aumento do nível de ameaça. Contudo, recorda que Portugal é um potencial alvo do Daesh.

  • Hollande pede apoio a Portugal para combater terrorismo
    2:39

    País

    François Hollande esteve de visita a Lisboa, onde teve encontros com o Presidente da República e com o primeiro-ministro. O Presidente francês reafirmou a injustiça da aplicação de sanções e sublinhou os enormes sacrifícios que o país fez nos últimos anos para cumprir as regras europeias. Hollande pediu também apoio para combater o terrorismo.

  • PJ, PSP e GNR formam agentes graduados para novas ameaças globais

    País

    A partir de agora, Portugal tem formalmente uma Academia Europeia de Polícia. O despacho conjunto foi assinado pelas ministras da Justiça e Administração Interna. A CEPOL é um conceito criado no seio da União Europeia e Portugal, enquanto estado-membro, tinha o compromisso de o implantar no país. Na prática trata-se de uma unidade nacional que fará formação, em ponte com a União Europeia, para ter respostas para novas ameças globais como o terrorismo. A partir de 1 de julho, a CEPOL ficará sediada no novo edifício da Polícia Judiciária, e terá a colaboração de elementos da GNR e da PSP.

  • Trump cria linha de apoio a vítimas de "extraterrestres criminosos"

    Mundo

    Quando o Governo norte-americano usa o termo "extraterrestre criminoso", refere-se a alguém que não é cidadão dos Estados Unidos da América e que foi condenado por um crime. Quando a mesma expressão é usada pelos utilizadores do Twitter, o significado é completamente diferente. Os internautas pensam na série Ficheiros Secretos e em discos voadores. Por isso, o lançamento de uma linha telefónica, por parte da Casa Branca, para as vítimas de "extraterrestres criminosos" só podia dar em confusão.

  • Casados há 69 anos, morrem de mãos dadas com 40 minutos de diferença

    Mundo

    Isaac Vatkin, de 91 anos, morreu cerca de 40 minutos depois de Teresa, de 89 anos, no passado sábado no Highland Park Hospital, no estado norte-americano Ilinóis. "Não queríamos que fossem embora, mas não podíamos pedir que partíssem de melhor maneira", afirmou o neto William Vatkin. O casal morreu no hospital poucos dias depois de celebrarem 69 anos de casados.