sicnot

Perfil

País

Polícia deteve novo suspeito da morte de jovem português no Reino Unido

Um homem foi detido sob suspeita de ter participado na morte de um português na quinta-feira, em Londres, segundo um comunicado da polícia metropolitana local, divulgado pelo site eletrónico The Portugal News.

Segundo o site, o detido, com cerca de 20 anos, está sob custódia policial numa esquadra no leste de Londres.

A polícia londrina foi alertada por volta das 15:15 de quinta-feira, por uma chamada que indicava que um jovem de 21 anos tinha sido esfaqueado no West Ham Lane Recreation Ground.

Outros dois jovens, com idades entre 16 e 17 anos, foram detidos anteriormente perto do local do crime, sob suspeita de estarem envolvidos no caso.

A polícia identificou a vítima como Bradley dos Reis Pais Quaresma, um cidadão português, residente no leste de Londres.

Um exame realizado na sexta-feira, na morgue de East Ham, concluiu que a causa da morte foram lesões com arma branca.

De acordo com relatos da família de Bradley, o rapaz era muito amigável e queria sempre ajudar os outros. Era "inteligente e tinha um coração grande".

Os detetives londrinos da divisão de homicídios e crimes graves estão a investigar o caso.

O inspetor-chefe Gary Holmes, que está a conduzir a investigação, disse que "Bradley tinha toda a vida à sua frente e a sua morte foi trágica e violenta".

"Embora tenhamos feito prisões, ainda estamos a apelar por mais informações", disse.

"Sabemos que o parque estava cheio no momento do crime, com famílias e crianças que jogavam. Estamos ansiosos para saber quem será capaz de nos ajudar a precisar o que aconteceu antes de Bradley ser atacado", sublinhou.

Lusa

  • Younes Abouyaaqoub, o homem mais procurado de Espanha
    1:53
  • Vila de Gavião viu-se cercada pelas chamas
    2:17
  • Costa desafia PSD para pacto depois das autárquicas
    1:14
  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22