sicnot

Perfil

País

GNR reforça fiscalização a veículos pesados

(SIC/ Arquivo)

A Guarda Nacional Republicana vai intensificar, a partir de hoje, a fiscalização a veículos pesados de passageiros e mercadorias, no âmbito da operação "TISPOL", anunciou hoje a GNR.

A operação "TISPOL -- Truck and Bus Operation", que decorre até quinta-feira em todo o país, tem como objetivo "prevenir e identificar infrações relacionadas com este tipo de veículos e respetivos transportes (pessoas e bens)", adianta a GNR em comunicado.

Nas ações de fiscalização, os militares da GNR irão verificar "os tempos de repouso e de condução", tendo em conta "os riscos associados ao elevado número de horas de condução".

Dados da GNR indicam que, desde início do ano, foram fiscalizados 11.745 tacógrafos de veículos pesados, dos quais 63% (7.416) apresentavam irregularidades nos tempos de condução/repouso, correspondendo assim a um aumento de 11% face a igual período do ano passado.

Os militares irão estar também "particularmente atentos" ao controlo do peso dos veículos, à verificação do acondicionamento e transporte de carga e das condições técnicas dos veículos, ao controlo da condução sob efeito do álcool, ao uso do cinto de segurança e infrações de natureza fiscal, aduaneira e ambiental.

A operação mobiliza militares dos Comandos Territoriais, da Unidade Nacional de Trânsito, do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente e da Unidade de Ação Fiscal

Esta operação será realizada em todos os países da Europa e enquadra-se no plano definido pela European Traffic Police Network (TISPOL - www.tispol.org), organismo que congrega todas as polícias de trânsito da Europa, no qual a GNR é representante nacional.


Lusa

  • GNR fechou A1 em megaoperação stop
    1:06

    País

    Mais de 600 condutores foram fiscalizados, na madrugada passada na A1, em Antuã, numa operação especial da GNR de combate à criminalidade. Uma pessoa foi detida por posse de estupefacientes e 10 foram alvo de contraordenação por posse de droga. Houve ainda condutores multados por infrações rodoviárias, três por excesso de álcool.

  • Deputado do PS abandona partido e pode colocar em causa maioria parlamentar
    2:28

    País

    Domingos Pereira foi eleito pelo círculo de Braga. Agora, vai demitir-se do Partido Socialista e entregar o cartão de militante. Contudo, mantém-se no Parlamento, passando assim a deputado independente na Assembleia da República. Pode estar em causa a maioria parlamentar quando o PCP se abstiver.

    Notícia SIC

  • Pedro Dias recusou mostrar caligrafia
    2:29

    País

    Pedro Dias forneceu esta segunda-feira ADN aos peritos do laboratório da polícia científica. O suspeito dos crimes de Aguiar da Beira também foi intimado a entregar amostras da própria caligrafia, mas recusou fazê-lo.

  • Autoridades italianas prosseguem buscas por desaparecidos em avalancha
    0:54
  • "O México não acredita em muros"
    0:45

    Mundo

    Em resposta a Donald Trump, o Presidente mexicano diz que o país não acredita em muros, mas em pontes. Enrique Peña Nieto diz ainda que o México vai procurar dialogar com os Estados Unidos sem confrontos, mas também sem submissão.

  • Carolina do Mónaco celebra o 60.º aniversário
    2:13

    Mundo

    Carolina do Mónaco celebra esta segunda-feira o 60.º aniversário. Em 60 anos, foi criança mediática, jovem rebelde e, agora, matriarca sem ser rainha. Carolina do Mónaco nunca saiu das revistas, por ser filha de Grace Kelly e Rainier do Mónaco, por ter somado namorados pouco recomendáveis para princesas, por ter perdido o pai dos seus filhos num terrível acidente.

  • Ator morre baleado durante gravações de videoclip na Austrália

    Mundo

    Um ator morreu depois de ter sido baleado durante as gravações de um videoclip da banda Bliss n Eso, na cidade australiana de Brisbane. A vítima foi identificada como Johann Ofner, de 28 anos. O homem chegou a receber a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos.