sicnot

Perfil

País

Duas toneladas de haxixe apreendidas em Cabanas de Tavira

A GNR apreendeu duas toneladas de haxixe e deteve um espanhol, esta madrugada, em em Cabanas de Tavira, no Algarve.

Os 70 fardos de droga, provenientes de Marrocos, foram apreendidos pela Unidade de Controlo Costeiro da GNR quando estavam a ser descarregados em território português.

"A operação teve início ao final do dia de ontem [quinta-feira] e à 01:00 conseguimos intercetar uma embarcação com matrícula espanhola que estava no meio da ria e uma carrinha que estava junto à localidade de Cabanas de Tavira, distrito de Faro", relatou Bruno Cordeiro, comandante do destacamento de controlo costeiro da GNR de Olhão, citado pela Lusa.

Foi detido um espanhol de 46 anos. "Presume-se que o cidadão espanhol seria o condutor do veículo, pois tinha as chaves do carro no bolso e foi intercetado junto ao mesmo", disse Bruno Cordeiro.

A Unidade de Controlo da GNR intercetou também a embarcação, onde se encontravam mais dois ou três ocupantes que conseguiram fugir.

Além da droga foram ainda apreendidos um carro e um barco.

Última atualização às 9:36

  • Prisão preventiva para marroquino suspeito de apoiar o Daesh

    País

    O juiz do Tribunal Central de Instrução Criminal impôs esta quinta-feira prisão preventiva ao cidadão marroquino, detido na Alemanha e entregue a Portugal, suspeito de adesão e apoio ao grupo extremista Daesh e recrutamento e financiamento ao terrorismo.

  • "A isto chama-se pura hipocrisia"
    1:13

    Caso CGD

    Pedro Passos Coelho classifica a atuação do Governo na gestão da Caixa Geral de Depósitos como um "manual de cinismo político insuportável", declarações feitas pelo líder do PSD durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa.

  • Mais de 20 milhões estão a morrer à fome em África

    Mundo

    África enfrenta a maior crise desde 1945, com mais de 20 milhões de pessoas a morrer de fome em três países, Sudão do Sul, Somália e Nigéria, disse esta quinta-feira um responsável do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27

    Mundo

    Estella Westrick tem apenas três anos, mas já conseguiu chegar aos jornais de todo o mundo, depois de "roubar" o chapéu do Papa. Durante uma visita da família na quarta-feira ao Vaticano, a criança - que não parece estar muito contente no vídeo - foi pegada ao colo por um dos funcionários do Vaticano, que a levou depois até ao Papa. Nesta altura, Estella aproveitou para tirar o solidéu episcopal, arrancando gargalhadas de toda a gente, especialmente do Papa Francisco.