sicnot

Perfil

País

Recuperado carro que caiu numa barragem em Beja e que provocou dois mortos

As autoridades retiraram hoje à tarde de uma barragem em Baleizão, no concelho de Beja, o carro que tinha caído e ficado submerso de manhã, provocando dois mortos, disse à agência Lusa fonte dos bombeiros.

Segundo a fonte do Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Beja, o carro foi retirado às 14:19 das águas da albufeira da barragem da Reboleja, na freguesia de Baleizão.

O acidente provocou a morte de um homem e uma mulher, ambos com 81 anos e que eram os únicos ocupantes da viatura, disse à Lusa fonte da GNR.

Trata-se de um casal que residia em Beja e costumava frequentar a barragem para apanhar verdemã, um peixe usado como isco para pescar outros peixes, referiu à Lusa o segundo comandante dos Bombeiros de Beja, Pedro Barahona.

Os corpos foram retirados do carro submerso, entre as 13:00 e as 13:15, e encaminhados para o Gabinete Médico-Legal e Forense do Baixo Alentejo, situado no hospital de Beja.

De acordo com Pedro Barahona, reportando-se a informações prestadas por populares, o homem, o condutor, estava a tentar fazer inversão de marcha, na estrada sobre o paredão, quando o carro caiu e ficou submerso na albufeira, tendo o alerta para o acidente sido dado às autoridades cerca das 10:30.

As operações de retirada dos corpos e do carro das águas da barragem mobilizaram uma equipa de quatro mergulhadores dos Bombeiros de Moura e elementos e meios dos Bombeiros de Beja e da GNR, além da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) de Beja.

Lusa

  • Incêndio de Setúbal "quase dominado"
    4:04

    País

    O incêndio que deflagrou segunda-feira em Setúbal está "quase dominado", segundo informações da presidente da Câmara. Maria das Dores Meira diz que não há feridos a registar e que os habitantes já vão regressando a casa. Para ajudar no combate ao fogo foram enviados meios de Lisboa.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.