sicnot

Perfil

País

GNR deteve 42 pessoas na última noite, maioria por condução com álcool

A GNR deteve 42 pessoas em várias ações que realizou entre as 20:00 de sexta-feira e as 8:00 de hoje, em todo o país, a maioria por condução sob efeito do álcool.

Segundo a GNR, as ações tiveram como principais objetivo a prevenção e combate à criminalidade violenta e a fiscalização rodoviária.

Em comunicado, a GNR adianta que 17 pessoas foram detidas por condução sob o efeito do álcool, 11 por condução sem habilitação legal e uma por tráfico de estupefacientes.

Durante as operações, foram ainda apreendidas 321 doses de haxixe e uma arma de fogo.

A nível da sinistralidade, a GNR registou, neste período, 119 acidentes, dos quais resultaram um morto, um ferido grave e 51 feridos ligeiros.

Nas ações de fiscalização de trânsito, os militares detetarem 992 infrações, a maioria (456) por excesso de velocidade.

Das restantes infrações, 70 foram por condução com Taxa de Álcool no Sangue superior ao permitido por lei, 43 por falta de inspeção periódica obrigatória, 41 por uso indevido do telemóvel, 36 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança ou cadeirinha e 21 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

Lusa

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11