sicnot

Perfil

País

Associação de Fertilidade congratula-se pela promulgação das "barrigas de aluguer"

© Regis Duvignau / Reuters

A presidente da Associação Portuguesa de Fertilidade (APF), Cláudia Vieira congratulou-se hoje com a promulgação pelo Presidente da República do diploma que regula a gestação de substituição considerando-o "um grande avanço civilizacional num país tão pequeno".

Em declarações à agência Lusa, Cláudia Vieira defendeu que a decisão anunciada no sábado à noite por Marcelo Rebelo de Sousa "mostrou que quer ir mais além e que não quer exclusões no seu próprio país".

"Foi um grande avanço civilizacional num país tão pequeno como o nosso. Mostrou que quer ir mais além e que não quer exclusões no seu próprio país. Não se trata de um capricho, estes casos são única e exclusivamente para pessoas com um problema de saúde perfeitamente identificado", sublinhou.

A dirigente da APF, com sede em Matosinhos, distrito do Porto, lembrou que quando em junho saiu o primeiro texto "havia dúvidas" e que "aquilo que o Bloco de Esquerda fez foi revê-lo, respondendo a essas dúvidas, após o que foi favoravelmente votado pela Assembleia da República e agora terminou com uma decisão favorável do Presidente da República".

Afirmando-se "feliz" pela promulgação, Cláudia Vieira entende que o diploma que agora ganha força de lei "vai refletir-se na legalização de uma prática que era proibida em Portugal, deixando de empurrar os casais para a procura de ajuda onde a gestação de substituição é legal ou, em alguns casos, recorrer à margem da lei".

"Isso preocupava-nos, porque todos os intervenientes nessa prática estavam desprotegidos", lembrou a dirigente da APF que reconhece que havia atividade marginal no apoio a essas pessoas.

"Claramente, não se pode tapar o sol com a peneira, ela acontecia em Portugal e isso não interessa a ninguém", acrescentou.

No novo cenário nascido da proposta do BE, entende Cláudia Vieira que a partir de agora "todos conhecem os seus direitos e estão salvaguardados os direitos da criança".

"A gestação de substituição foi um tema por nós discutido e defendido, representa a inclusão de uma faixa de portugueses inférteis numa lei que até ao momento os deixava de fora. Não é, nem nunca foi, um mero capricho de alguém", disse.

A promulgação do diploma da Assembleia da República foi divulgada através da página da Presidência da República na Internet.

Lusa

  • "Já só lhes resta uma coisa: bisbilhotar comunicações privadas"
    2:57

    Caso CGD

    O primeiro-ministro diz que o PSD atingiu o grau zero da política, quando chegou à "bisbilhotice" de querer ver as mensagens trocadas entre o ministro das Finanças e António Domingues. A polémica da Caixa Geral de Depósitos voltou a marcar o debate quinzenal, com António Costa a garantir que nunca esteve em causa a entrega de declarações da administração. Já o PSD e o CDS a acusaram o Governo de violar as regras da transparência e de oprimir os direitos da oposição.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.