sicnot

Perfil

País

GNR já registou 20 situações de burla com aluguer de casas de férias

Vinte situações de burla com o aluguer de casas de férias foram denunciadas à Guarda Nacional Republicana até dia 30 de junho, informou a GNR.

Em 2015, a Guarda Nacional Republicana (GNR) registou 143 crimes de burlas com o aluguer de casas de férias, 52 dos quais ocorreram no distrito de Faro, segundo uma nota divulgada.

Relativamente aos concelhos algarvios onde ocorreram os crimes, a GNR destaca os de Albufeira, Loulé e Portimão.

Os restantes crimes ocorreram nos distritos de Braga, Aveiro, Porto e Leiria. As situações foram detetadas no início das férias nos meses de junho, julho e agosto.

Ao referir que as burlas com o aluguer de casas de férias ocorrem, sobretudo, com anúncios de arrendamento de imóveis a preços apelativos publicados na internet, a GNR aconselha as pessoas a desconfiarem de anúncios com preços abaixo do valor praticado no mercado e a verificarem se a casa a alugar não está referenciada em burlas anteriores.

Apela ainda às vítimas de burla para que denunciem os crimes.

De forma geral, estes anúncios fornecem um número de telemóvel que só está disponível no primeiro contacto telefónico, no qual é solicitada a transferência bancária de um determinado montante como "sinal", refere a GNR, acrescentando que a vítima só se apercebe que foi burlada quando volta a contactar o mesmo número de telefone e verifica que deixou de estar ativo.

A vítima apercebe-se ainda de que foi burlada quando pretende recolher a chave da habitação ou quando chega à morada que lhe foi fornecida e constata que esta não existe.

Em 2015, a GNR registou 3.915 ocorrências de burlas, o equivalente a uma média de 327 por mês (ou 11 por dia). Os meses de julho e agosto foram os que registaram mais ocorrências. Perto de 40 por cento das burlas foram cometidas sem contacto presencial e grande parte respeitam a transações comerciais.

No que respeita às formas de contacto com a vítima, 1.592 burlas ocorreram através da internet (708 relacionaram-se com a compra ou venda de objetos e 112 com o aluguer de casas para férias), enquanto 1.300 foram cometidas através de contacto presencial.

Mais de duzentas burlas foram cometidas com recurso a telefone/telemóvel, 62 com recurso a carta e 45 através de anúncio em jornal, revista ou panfleto.

Lusa

  • Operação "Verão Seguro" junta PSP e GNR
    1:44

    País

    Já está em marcha a Operação Verão Seguro, que junta a PSP e a GNR no reforço do policiamento durante o período de férias.As autoridades alertam para os cuidados a ter em zonas de praia ou de acesso a transportes públicos e lembram que os cidadãos podem pedir proteção mais atenta para as próprias casas antes de viajarem.

  • "Já só lhes resta uma coisa: bisbilhotar comunicações privadas"
    2:57

    Caso CGD

    O primeiro-ministro diz que o PSD atingiu o grau zero da política, quando chegou à "bisbilhotice" de querer ver as mensagens trocadas entre o ministro das Finanças e António Domingues. A polémica da Caixa Geral de Depósitos voltou a marcar o debate quinzenal, com António Costa a garantir que nunca esteve em causa a entrega de declarações da administração. Já o PSD e o CDS a acusaram o Governo de violar as regras da transparência e de oprimir os direitos da oposição.

  • Compensa comprar a granel?
    8:39
  • Técnica de defesa contra aperto de mão de Donald Trump
    1:39
  • Vídeo mostra aterragem de Harrison Ford que quase causou um desastre

    Mundo

    Harrison Ford quase provocou um grave acidente quando, ao pilotar um dos seus aviões, falhou a pista de aterragem e esteve muito perto de chocar contra um um Boeing 737, com mais de 100 pessoas a bordo. O incidente com o ator norte-americano, considerado um piloto experiente, aconteceu na passada segunda-feira, dia 13, no Condado de Orange, na Califórnia, e o momento foi captado em vídeo.

  • Descoberta nova espécie de primatas em Angola

    Mundo

    Uma equipa britânica de cientistas descobriu uma nova espécie de galagos anões, um primata pertencente à família dos galonídeos - comum na África subsariana -, na floresta ameaçada da Kumbira, localizada na província do Cuanza Sul, noroeste de Angola.

  • Vestidos da princesa Diana em exposição
    1:29

    Mundo

    As roupas mais emblemáticas da princesa Diana vão estar em exposição no Palácio de Kensington, em Londres, a partir de sexta-feira. O objetivo é mostrar a evolução do estilo da princesa de Gales, considerada um dos maiores ícones de moda de sempre.