sicnot

Perfil

País

Bombeiros combatem fogo em zona de mato em Curtinhas, Santo Tirso

ANT\303\223NIO JOS\303\211

Um incêndio na localidade de Curtinhas, no concelho de Santo Tirso, mobilizava hoje, às 07:00, 54 operacionais e 17 meios terrestres, de acordo com a página da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

O incêndio rural que lavrava numa zona de mato com duas frentes ativas, teve início na segunda-feira pelas 21:16 na freguesia de Carreira e Refojos de Riba de Ave, no distrito do Porto.

De acordo com a informação da página da ANPC das 07:30, o incêndio mobilizava 54 operacionais, entre os quais 15 bombeiros, dois elementos da GNR, e 17 meios terrestres.

Este é o único incêndio que a ANPC salientava àquela hora como ocorrência importante. A Proteção Civil destaca na sua página os incêndios florestais com mais de três horas desde o seu início e com mais de 15 meios operacionais.

Ainda de acordo com a informação disponibilizada pela Proteção Civil encontravam-se ativos 13 incêndios que mobilizam 379 operacionais e 118 meios terrestres.

Lusa

  • "Putin é uma ameaça maior do que o Daesh"
    0:24

    Mundo

    O senador norte-americano John Mccain atacou Vladimir Putin dizendo que é uma ameaça maior do que o Daesh. O antigo candidato à Casa Branca acusa a Rússia de querer destruir a democracia ao tentar manipular o resultado das presidenciais dos Estados Unidos.

  • "Não podemos fazer de Lisboa uma cidade para turistas"
    2:44

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou esta segunda-feira, no Jornal da Noite da SIC, o mandato de Fernando Medina na Câmara de Lisboa. O comentador da SIC defendeu que o autarca tem "muitos problemas por resolver" e que a Câmara tem investido "mais na recuperação de zonas em que os lisboetas praticamente não conseguem ir". Sousa Tavares disse ainda que Lisboa não pode ser uma cidade para turistas.

    Miguel Sousa Tavares

  • "É muito importante ceder à tentação de se abolir a liberdade"
    1:06
  • Menos casos de sida em Portugal
    1:44