sicnot

Perfil

País

Elevador panorâmico para subir a ponte 25 de Abril

Um projeto turístico para ver Lisboa da Ponte 25 de abril vai ser lançado terça-feira, incluindo a construção de um elevador panorâmico a partir da base do pilar de Alcântara, revelou à Lusa fonte da Infraestruturas de Portugal.

"É das poucas pontes com esta envergadura que não é visitada de forma regular. Queremos abrir a ponte às pessoas", afirmou o vice-presidente das Infraestruturas de Portugal, José Serrano Gordo, à margem da apresentação da moeda comemorativa do 50º aniversário da Ponte 25 de abril, que se assinala sábado.

O projeto vai ser concretizado através de uma parceria entre a Infraestruturas de Portugal, a gestora da ponte, e o Turismo de Lisboa, que vai assumir a construção da nova infraestrutura a ser acoplada à ponte e ainda a sua exploração futura.

"Vamos dar a essa entidade [Turismo de Lisboa] a possibilidade de a explorar. É uma forma, enquanto donos da infraestrutura, de a [a ponte 25 de Abril] podermos pôr ao serviço dos lisboetas, de todos os portugueses e dos turistas que nos visitam", adiantou José Serrano Gordo.

O projeto vai ser oficialmente lançado na terça-feira, 09 de agosto: "A data foi mais por questões de agenda, porque o lançamento não pode ser feito no dia das comemorações de 50 anos", explicou a mesma fonte.

objetivo não é apenas o de promover visitas à ponte e à cidade de Lisboa, mas também o de dar informação sobre a construção desta obra de engenharia, uma das maiores pontes suspensas do mundo que, no ranking das pontes rodoferroviárias com maior vão suspenso, ocupa a primeira posição na Europa e a terceira no mundo.

"A ideia é criar um centro de interpretação. Queremos abrir a ponte às pessoas e explicar a forma como a ponte foi construída, fazendo ainda uma homenagem aos trabalhadores que perderam a vida a construir a ponte", explicou, adiantando que os visitantes "vão ter a ilusão" de que veem a ponte desde a sua fundação e vão ter "uma perspetiva da ponte para cima".

Para assinalar os 50 anos da Ponte 25 de Abril, foi hoje lançada a moeda comemorativa, da autoria do escultor José Aurélio, integrada no Plano de Moedas Comemorativas 2016.

Esta moeda corrente comemorativa possui o valor facial de dois euros e está limitada a uma emissão de 500 mil exemplares com acabamento normal, 10 mil exemplares com acabamento 'proof' e 10 mil unidades com acabamento BNC (brilhante não circulada).

Lusa

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11