sicnot

Perfil

País

Aviso laranja para Santarém, Leiria, Coimbra e Braga

Os distritos de Santarém, Leiria, Coimbra e Braga estão hoje sob aviso laranja, o segundo mais grave de uma escala de quatro, devido ao tempo quente, informou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

Os distritos de Santarém, Leiria, Coimbra e Braga estão sob aviso laranja desde as 06:00 e até às 22:00 de hoje, passando depois (das 22:00 de hoje e até às 21:00 de terça-feira) a aviso amarelo, de acordo com o Instituto

Sob aviso laranja por causa do tempo quente está também o arquipélago da Madeira entre as 06:00 de hoje e as 19:00 de terça-feira.

O aviso laranja, o segundo mais grave de uma escala de quatro, é emitido devido a uma situação meteorológica de risco moderado e elevado.

Por causa do tempo quente, o IPMA colocou sob aviso amarelo os distritos de Viana do Castelo, Vila Real, Bragança, Porto, Aveiro, Viseu, Guarda, Castelo Branco, Portalegre, Lisboa, Évora, Beja e Setúbal entre as 06:00 e as 22:00 de hoje.

O IPMA emitiu ainda aviso amarelo para o distrito de Faro devido à previsão de agitação marítima, com ondas de sueste com 1,5 a 02 metros no barlavento, entre as 06:00 e as 16:00 de hoje.

O aviso amarelo é o terceiro mais grave numa escala de quatro e significa "risco para determinadas atividades".

Lusa

  • Benefícios fiscais trouxeram a Portugal 10 mil estrangeiros em 2015

    Economia

    Os benefícios fiscais em Portugal atraíram mais de 10 mil estrangeiros no ano passado. A maioria vem com o estatuto de residente não habitual, que dá isenção total de IRS aos reformados por dez anos e 20% de isenção no imposto para profissionais que estiverem ligados a atividades de valor acrescentado como Psicologia, Investigação ou Medicina.

  • Trump e os jornalistas: uma relação (su)rreal
    2:08
  • Novo campo de refugiados construído em Mossul

    Mundo

    Um novo campo de refugiados foi construído em Mossul, no Iraque. Com cerca de 4 mil tendas, foi construído durante 45 dias para albergar os deslocados que se prevê que aumentem com a atual ofensiva militar na zona ocidental da cidade.