sicnot

Perfil

País

Barcelos pondera acionar Plano Municipal de Emergência

A Câmara de Barcelos admitiu que poderá decretar o acionamento do Plano Municipal de Emergência, face aos incêndios que fustigam a zona norte do concelho.

Em comunicado, a Câmara refere que foi convocada para terça-feira uma reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil, para avaliar a situação dos incêndios e definir a adoção das medidas tendentes a minimizar os seus impactos.

"O encontro permitirá aferir a necessidade de decretar o acionamento do Plano Municipal de Emergência", acrescenta o comunicado.

Um incêndio florestal que deflagrou pelas 14:58 de domingo em Tamel Santa Leocádia, em Barcelos, já se propagou a várias outras freguesias, continuando com três frentes ativas

O 2.º comandante operacional distrital de Braga, Vítor Azevedo, disse à Lusa que "ainda não há qualquer perspetiva temporal" para que o incêndio possa ser dado por controlado.

Segundo aquele responsável, o vento forte com constantes oscilações de direção tem sido umas das principais dificuldades encontradas pelos bombeiros no combate às chamas.

Além disso, destacou a "grande carga combustível" da floresta em questão e o seu "completo abandono", com uma "total inexistência de limpeza".

Vítor Azevedo disse que as chamas já se propagaram a várias outras freguesias não só do concelho de Barcelos, como Aldreu, Palme, Feitos e Vila Cova, mas também de Esposende, como Vila Chã.

Lusa

  • Um homem de 83 anos é a 42.ª vítima dos incêndios
    1:27

    País

    Subiu para 42 o número de vítimas mortais nos incêndios deste domingo. Um homem de 83 anos foi encontrado sem vida em Lugar de Covelo, em Vouzela. O número de feridos mantém-se, 14 estão em estado grave. A maior parte das mortes aconteceu no distrito de Coimbra (20) e Viseu (19). Segundo a Proteção Civil, já não há desaparecidos. Sete pessoas estavam dadas como desaparecidas e apenas uma foi encontrada sem vida. Um bebé de poucos meses tinha sido dado como morto, mas foi encontrado com vida.

  • Um pedido de desculpas aos portugueses e um ultimato ao Governo
    3:21
  • Vouzela tenta regressar à normalidade, 8 pessoas morreram no concelho
    2:28

    País

    No concelho de Vouzela, a população começa a voltar à normalidade. Aos poucos a luz e a água estão a voltar e as pessoas começam a ganhar forças para reconstruir aquilo que lhes foi tirado pelos fogos. No entanto, as feridas demoram a sarar e não será fácil esquecer que 80 a 90 por cento deste concelho foi destruído pelos incêndios e oito pessoas morreram.

  • Material de guerra de Tancos encontrado, faltam munições
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • Madrid admite suspender autonomia da Catalunha
    1:51
  • Alemanha já tem uma versão de Donald Trump... em cera
    1:08