sicnot

Perfil

País

Enfermeiros iniciam greve parcial em algumas instituições do SNS

O Sindicato dos Enfermeiros Portugueses inicia esta segunda-feira uma greve parcial em algumas instituições do Serviço Nacional de Saúde, exigindo as 35 horas de trabalho semanais para todos.

A greve começa hoje no turno da noite no Centro Hospitalar do Algarve, onde vai estender-se até sexta-feira.

Também hoje de manhã estarão em greve enfermeiros do Instituto Português de Oncologia de Coimbra, que repetem a paralisação também no turno da manhã de quarta-feira.

Quarta e quinta-feira é a vez de estarem em greve enfermeiros do Hospital Distrital da Figueira da Foz.

Na próxima semana, dia 19 de agosto, há já pré-aviso de greve para o turno da manhã da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano.

Os enfermeiros estiveram em greve no final do mês passado, reclamando as 35 horas de trabalho semanais para todos os enfermeiros.

Repetem agora as mesmas exigências, nas quais se inclui o pagamento de todo o trabalho extraordinário.

Lusa

  • "O euro como o conhecemos é uma construção imperfeita"
    1:26

    Economia

    O primeiro-ministro diz que o euro como o conhecemos é uma construção imperfeita e que sem regras iguais para todos não é possível a reforma da moeda única. As declarações de António Costa foram feitas esta terça-feira, em Lisboa, numa conferência intitulada de "Consolidar o Euro. Promover a Convergência".

  • "A Miss Helsínquia é a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza"

    Mundo

    Sephora Lindsay Ikabala venceu o concurso Miss Helsínquia 2017 e, desde então, tem vindo a ser insultada e criticada nas redes sociais. A nigeriana de 19 anos vive na cidade desde criança. "A Miss Helsínquia é literalmente a mulher mais feia que já vi num concurso de beleza", é apenas um dos muitos comentários que circula nas redes sociais.

  • As propostas Chanel para a próxima estação
    1:34

    Mundo

    Um dos desfiles mais aguardados do mundo da moda aconteceu esta segunda-feira, em Paris, com as propostas da casa Chanel para a próxima estação primavera/verão. No final do desfile, e pela primeira vez em 30 anos, Karl Lagarfeld não deu nenhuma entrevista à comunicação social.