sicnot

Perfil

País

Partidas no aeroporto de Lisboa com 10 minutos de estacionamento grátis

© Rafael Marchante / Reuters

A partir desta terça-feira, os utilizadores particulares que queiram levar passageiros ao Aeroporto de Lisboa, de automóvel, têm direito a 10 minutos de estacionamento gratuitos na zona de partidas, pagando tarifa ultrapassando esse tempo, informou a gestora aeroportuária ANA.

O sistema "Kiss & Fly", traduzido do inglês para "beija e voa", vai funcionar na zona das partidas do aeroporto para "garantir a todos" um acesso facilitado para largada de passageiros, explica a ANA - Aeroportos de Portugal em comunicado hoje divulgado.

"O Aeroporto vai ter novas regras para o acesso à zona (curbside) das "partidas"", acrescenta, adiantando que desde fevereiro foram realizadas obras para os nossos acessos.

A ANA considera que o acesso à zona de partidas do aeroporto está agora "melhor organizado, mais rápido e mais eficiente", com áreas específicas de estacionamento para particulares e autocarros de turismo, circuitos para táxis e transportes de Lisboa, e ainda o prolongamento da atual ciclovia.

No entanto, ressalva a gestora aeroportuária, a zona de tomada de táxis mantém-se, como até aqui, concentrada na zona das chegadas do aeroporto.

O sistema "Kiss & Fly" já foi instalado no aeroporto de Faro, desde junho de 2015, do Porto, desde novembro do mesmo ano, e de Lisboa a partir de terça-feira, alargando um conceito já utilizado na Europa - em aeroportos como Paris, Bruxelas, Londres (Heathrow) -- ou nos Estados Unidos, como São Francisco, Chicago e Nova Iorque (aeroporto JFK).

Lusa

  • As zonas de guerra que o fogo deixou
    3:13

    País

    A chuva finalmente ajudou na luta contra as chamas e o que fica agora é um cenário de devastação no norte e centro do país. Morreram 37 pessoas, arderam centenas de casas e empresas e há críticas severas à falta de meios.

  • O mapa das vítimas dos incêndios
    1:19

    País

    Aumentou para 37 o número de mortes na sequência dos fogos que assolaram a zona Centro do país desde o fim de semana. Feridos são pelo menos 71. Atualizamos aqui o mapa, segundo o último balanço da Proteção Civil.

  • Visto do céu, Portugal é um país que se vestiu de negro
    3:28
  • "Temos que cuidar dos feridos, temos que recuperar os territórios"
    1:02

    País

    O primeiro-ministro disse hoje que, depois das chamas apagadas, agora é o tempo de passar das palavras aos atos, de decidir e executar. Após uma visita a feridos dos incêndios, em Coimbra, António Costa confirmou que o Conselho de Ministros do próximo sábado vai transformar em medidas as recomendações feitas pela comissão técnica independente.

  • Homem morreu ao tentar salvar animais das chamas
    2:30
  • "Estou a ficar sem água, vai ser um trabalho inglório"
    1:06