sicnot

Perfil

País

Reunião urgente para avaliar aplicação de Plano de Emergência em Viana do Castelo

A Comissão Distrital de Proteção Civil (CDPC) de Viana do Castelo vai reunir de urgência, para avaliar aplicação do Plano de Emergência face aos incêndios que afetam o concelho, disse à Lusa o seu presidente.

José Maria Costa avançou que a reunião terá lugar às 22:30 no Centro Distrital de Operações de Socorro de Viana do Castelo, que funciona nas instalações do antigo Governo Civil, para uma reunião urgente para avaliar a aplicação do Plano de Emergência Municipal, como já aconteceu com Arcos de Valdevez e Ponte de Lima.

Nas declarações à Lusa, José Maria Costa, que além de autarca dirige a CDCP de Viana do Castelo, disse que a situação no concelho "é muito complicada" e que "os meios no terreno não são suficientes face à dimensão dos fogos".

José Maria Costa apelou, através da Lusa, a um reforço dos meios humanos e materiais no combate aos incêndios que afetam o distrito e que os meios aéreos cheguem logo ao raiar da manhã para "atacar o fogo".

O autarca de Ponte de Lima, Vitor Mendes, confidenciou à Lusa que "a situação é muito, muito, má".

A Câmara de Arcos de Valdevez acionou hoje o Plano Municipal de Emergência face à situação "dramática" que se vive no concelho, palco de vários incêndios, disse à Lusa o vereador da Proteção Civil, Olegário Gonçalves, o mesmo já tendo acontecido com Ponte de Lima, e agora Viana do Castelo vai reunir para avaliar a aplicação do Plano de Emergência Dsitrital.

Em Arcos de Valdevez, o hotel do Mezio, no Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG), "foi evacuado" e que os residentes de 50 habitações do lugar de Vilar de Suente, no Soajo, "foram abrigados dentro de uma capela da aldeia, até o fogo passar, para serem retirados para uma zona segura".

"É, sobretudo, população idosa. Por causa do fogo e do fumo, decidimos retirar as pessoas e colocá-las em segurança", afirmou Olegário Gonçalves, que referiu " há vários incêndios preocupantes no concelho" e que há "um bombeiro ferido no fogo da Gavieira", no PNPG.

No distrito de Viana do Castelo, que engloba Arcos de valdevez e Ponte de Lima, estavam hoje à noite, pelas 22:30 ativos 16 incêndios, a ser combatidos por 514 operacionais, apoiados 163 meios terrestres.

Lusa

  • Estamos quase na hora de verão

    País

    Esta madrugada muda a hora. Quando for 1h00, os relógios adiantam para as 2h00. Será uma noite com menos tempo de sono, mas os dias vão ficar mais longos com o chamado horário de verão.

  • Divorciados vão poder dividir filhos no IRS 

    Economia

    Os divorciados vão passar a poder dividir os filhos no IRS (imposto sobre o rendimento singular) e o Governo está a estudar soluções para que em 2018 haja um novo sistema para lidar com a guarda conjunta de filhos.

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Ataques aéreos dos EUA em Mossul podem ter causado a morte de 200 civis
    1:22
  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.

  • Quando o cancro chega por mero acaso
    1:55

    Mundo

    Cerca de dois terços das mutações que ocorrem nas células cancerígenas devem-se ao acaso, segundo um estudo da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos. Em Portugal, o Diretor do Programa Nacional Doenças Oncológicas alerta para a importância de um diagnóstico precoce e um estilo de vida saudável como forma de reduzir a fatalidade.