sicnot

Perfil

País

Reunião urgente para avaliar aplicação de Plano de Emergência em Viana do Castelo

A Comissão Distrital de Proteção Civil (CDPC) de Viana do Castelo vai reunir de urgência, para avaliar aplicação do Plano de Emergência face aos incêndios que afetam o concelho, disse à Lusa o seu presidente.

José Maria Costa avançou que a reunião terá lugar às 22:30 no Centro Distrital de Operações de Socorro de Viana do Castelo, que funciona nas instalações do antigo Governo Civil, para uma reunião urgente para avaliar a aplicação do Plano de Emergência Municipal, como já aconteceu com Arcos de Valdevez e Ponte de Lima.

Nas declarações à Lusa, José Maria Costa, que além de autarca dirige a CDCP de Viana do Castelo, disse que a situação no concelho "é muito complicada" e que "os meios no terreno não são suficientes face à dimensão dos fogos".

José Maria Costa apelou, através da Lusa, a um reforço dos meios humanos e materiais no combate aos incêndios que afetam o distrito e que os meios aéreos cheguem logo ao raiar da manhã para "atacar o fogo".

O autarca de Ponte de Lima, Vitor Mendes, confidenciou à Lusa que "a situação é muito, muito, má".

A Câmara de Arcos de Valdevez acionou hoje o Plano Municipal de Emergência face à situação "dramática" que se vive no concelho, palco de vários incêndios, disse à Lusa o vereador da Proteção Civil, Olegário Gonçalves, o mesmo já tendo acontecido com Ponte de Lima, e agora Viana do Castelo vai reunir para avaliar a aplicação do Plano de Emergência Dsitrital.

Em Arcos de Valdevez, o hotel do Mezio, no Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG), "foi evacuado" e que os residentes de 50 habitações do lugar de Vilar de Suente, no Soajo, "foram abrigados dentro de uma capela da aldeia, até o fogo passar, para serem retirados para uma zona segura".

"É, sobretudo, população idosa. Por causa do fogo e do fumo, decidimos retirar as pessoas e colocá-las em segurança", afirmou Olegário Gonçalves, que referiu " há vários incêndios preocupantes no concelho" e que há "um bombeiro ferido no fogo da Gavieira", no PNPG.

No distrito de Viana do Castelo, que engloba Arcos de valdevez e Ponte de Lima, estavam hoje à noite, pelas 22:30 ativos 16 incêndios, a ser combatidos por 514 operacionais, apoiados 163 meios terrestres.

Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.