sicnot

Perfil

País

Plano Distrital de Emergência do Porto prolongado até quinta-feira

A Comissão Distrital de Proteção Civil (CDPC) do Porto decidiu hoje prolongar até às 20h00 de quinta-feira o Plano Distrital de Emergência (PDE) acionado na madrugada de segunda-feira, revelou à agência Lusa o presidente da entidade.

Marco Martins explicou que a decisão de manter o PDE, inicialmente ativado por 48 horas, se deve ao número elevado de incêndios que se tem registado no distrito (o Porto tem sido o distrito com o maior número de fogos rurais em todo o país), à possibilidade de agravamento das condições climatéricas, nomeadamente do vento, que "tem prejudicado" o combate às chamas, e ao cansaço dos homens e desgaste dos meios no terreno.

A ativação do PDE, inédita no Porto, levou a CDPC a pedir ao Governo um "reforço de nove grupos de combate", o equivalente a "cerca de 300 operacionais", mas o comandante distrital de Operações de Socorro do Porto revelou hoje à Lusa que "não houve reforço de meios de combate aos incêndios" no distrito, onde está ativado o Plano de Emergência, devido ao esgotamento dos recursos disponíveis no país.

.

Com Lusa

  • Alianças do PS marcam discursos no Congresso do PS
    2:51
  • Souto de Moura feliz com distinção na Bienal de Arquitetura de Veneza
    1:10
  • "Sonho com um futuro melhor", o desejo de um jovem sírio em Portugal
    2:12

    País

    Mais de 50 jovens sírios chegaram esta madrugada a Lisboa, para iniciarem o novo ano letivo, em Portugal. Sonham com um futuro melhor. Sonham com uma educação melhor. Os 54 estudantes vieram ao abrigo do programa lançado pelo antigo Presidente da República, Jorge Sampaio, que nos últimos anos já deu uma nova oportunidade a cerca de 200 alunos. Depois de um curso intensivo de português durante três meses, os jovens vão iniciar o ano letivo em vários pontos do país.