sicnot

Perfil

País

A43 e A28 cortadas em Gondomar e Vila Nova de Cerveira

A autoestrada A43 foi hoje cortada pelas 08:00 em Jovim, Gondomar, e a A28 está há mais de dez horas interdita ao trânsito em Gondarém, Vila Nova de Cerveira, devido a incêndios, disse a GNR.

A A43, também conhecida como IC 29 ou via rápida de Gondomar, distrito do Porto, foi cortada ao quilómetro 10,5, indicou fonte da GNR, acrescentando que o fogo em Jovim está a aproximar-se dos dois lados da estrada.

Fonte do Comando Geral da GNR indicou à Lusa que a A28 está cortada desde as 22:00 de terça-feira na zona de Gondarém, concelho de Vila Nova de Cerveira, distrito de Viana do Castelo, também devido a um incêndio.

A mesma fonte acrescentou que a circulação no IC 1 foi reaberta por volta das 04:00.

A página da Autoridade Nacional de Proteção Civil, atualizada às 08:20, indica estar em curso um incêndio em mato que começou hoje às 06:42 na localidade de Jovim, freguesia de Gondomar (São Cosme), Valbom e Jovim.

De acordo com a ANPC, aquele fogo está a ser combatido por 12 homens e três meios terrestres.

A ANPC aponta ainda a existência de outro incêndio na mesma freguesia de Gondomar, mas na localidade de Valbom.

O vento forte que se fez sentir durante a noite e que vai manter-se hoje ao longo do dia levou a reacendimentos nos incêndios de Águeda, Arouca e Vila Nova de Cerveira, onde foram retiradas pessoas de aldeias, revelou o adjunto de operações da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), Carlos Guerra.

Segundo o responsável, os distritos de Aveiro, Viana, Braga e Porto são hoje de manhã os distritos que mais preocupam os bombeiros, em Portugal continental, com incêndios de grandes dimensões como os de Águeda, Arouca e Vila Nova de Cerveira, que sofreram alguns reacendimentos devido ao vento.

Às 08:00, os maiores incêndios ativos eram os de Arouca que está a ser combatido por 213 operacionais, com o apoio de 49 veículos, e o de Águeda que mobilizava 314 bombeiros, com o auxílio de 90 meios terrestres.

Em Viana do Castelo, segundo a ANPC, o maior é em Covas, no concelho de Vila Nova da Cerveira, onde 184 operacionais e 61 meios terrestres combatem o fogo que começou na tarde de domingo e tem ainda duas frentes ativas.

Carlos Guerra disse ainda à Lusa que além destes, existem ainda mais nove incêndios que preocupam nos distritos da Guarda, Braga, Porto, Aveiro, Viseu e Viana do Castelo.

A Proteção Civil destaca na página como "ocorrências importantes" os fogos com duração superior a três horas e com mais de 15 meios de proteção e socorro envolvidos, mas apenas contempla os incidentes do continente, já que as regiões autónomas têm serviços próprios nesta área.

Na Madeira, as chamas obrigaram mais de mil pessoas a abandonar as suas casas e os hotéis onde estavam alojadas, na sequência do fogo que na terça-feira atingiu a zona baixa da cidade do Funchal.

Lusa

  • Centro comercial em Manchester evacuado

    Mundo

    Um centro comercial foi evacuado esta manhã, no centro de Manchester. Testemunhas dizem ter ouvido um "grande estrondo". O incidente acontece horas depois do ataque na Manchester Arena, no final da atuação da cantora Ariana Grande, no qual morreram pelo menos 22 pessoas. O espaço comercial em Manchester foi entretanto reaberto. A polícia começou a retirar o cordão de segurança, pouco tempo depois de ser dado o alerta. Uma pessoa foi detida.

  • Dois em cada três idosos em Portugal são sedentários

    País

    É a camada da população mais inativa e com comportamentos que revelam um estilo de vida menos saudável, segundo um estudo divulgado hoje, que analisou os dados de mais de 10.600 portugueses representativos da população, entre os quais mais de 2.300 pessoas com mais de 65 anos.

  • "Michel Temer nunca teve vergonha, não tem cara de pessoa de bem"
    3:04

    Opinião

    Miguel Sousa Tavares analisou no habitual espaço de comentário do Jornal da Noite  da SIC, o escândalo com o Presidente do Brasil, Michael Temer. O comentador diz que já era previsível que Temer fosse apanhado com "o pé na poça" e afirma que o Presidente brasileiro nunca teve qualquer tipo de vergonha. Miguel Sousa Tavares fez ainda referência ao facto de Dilma Rousseff ser, entre todos os políticos brasileiros, a única que não tem processos contra ela.

    Miguel Sousa Tavares

  • Julgamento do caso BPN deverá terminar quarta-feira
    4:38

    Economia

    O acórdão do processo principal do BPN vai ser tornado público esta quarta-feira, depois de quase sete anos de audições. O rosto principal é o de José Oliveira Costa mas há outros 14 arguidos sentados no banco dos réus.