sicnot

Perfil

País

Arouca evacua passadiços do Paiva face a ameaça das chamas

A Câmara Municipal de Arouca está a retirar os cerca de 1500 visitantes que esta tarde circulavam pelos passadiços do Paiva para prevenir eventuais complicações devido ao "risco moderado" de essa estrutura ser ameaçada pelo incêndio nesse concelho.

Em declarações à Lusa, o presidente da autarquia justifica a medida com o facto de o incêndio combatido por mais de 200 bombeiros nas localidades de Janarde e Covelo de Paivó "ter galgado a margem direita do rio Paivó e estar agora no lado esquerdo", mais próximo do passadiço.

"O risco é apenas moderado, mas decidimos retirar as pessoas por uma questão de máxima precaução", afirma José Artur Neves. "Os técnicos dos nossos serviços e as forças de segurança já não deixam entrar mais ninguém e estão a retirar as pessoas que estão no passadiço, que serão umas 1500 nesta altura", acrescenta.

Segundo indicava o site da Autoridade Nacional da Proteção Civil às 15:20, o incêndio de Janarde e Covelo de Paivó, que deflagrou na segunda-feira à tarde, ainda está a ser combatido por 213 bombeiros, apoiados por 49 viaturas.

"A situação está má, incontrolável. Não podemos mesmo facilitar", realça José Artur Neves.

Quanto aos visitantes retirados do passadiço do Paiva, cujo acesso implica reserva prévia e o pagamento de 1 euro por pessoa, o autarca adianta que "a Câmara dará oportunidade a todas essas pessoas de concretizarem o passeio noutra altura, sem quaisquer custos".

Lusa

  • As primeiras decisões do Presidente Trump
    1:39
  • "Há sobretudo um fosso entre o discurso que Trump faz e os de Obama"
    6:13

    Opinião

    Cândida Pinto e Ricardo Costa analisaram a tomada de posse de Donald Trump. O diretor de informação da SIC disse que o discurso de Trump "mexe com a sua base de apoio" e defende que "a grande questão não vai ser a relação com a Rússia, mas sim com a China". Já a Editora de internacional disse que o discurso foi "voltado para dentro, nacionalista, partidarista, com ataque à elite de Washington".

    Ricardo Costa e Cândida Pinto

  • Celebridades protestam contra Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Encontrados dez sobreviventes no hotel engolido por um avalanche em Itália
    1:44
  • Cantora brasileira conhecida pela "Lambada" terá sido assassinada
    1:25

    Mundo

    Terá sido assassinada a cantora brasileira conhecida em Portugal pela "lambada", um ritmo que marcou o fim dos anos 90. Foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro depois de assaltada em casa. Três suspeitos suspeitos do homicídio da cantora Loalwa Braz foram já detidos.