sicnot

Perfil

País

Miguel Albuquerque vai pedir parecer técnico sobre utilização de meios aéreos

O presidente do Governo Regional da Madeira anunciou esta quarta-feira que vai solicitar um parecer técnico sobre a viabilidade da utilização de meios aéreos na região no combate aos incêndios florestais.

Miguel Albuquerque falava aos jornalistas no âmbito da visita que o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, efetua esta quarta-feira à Madeira na sequência dos incêndios que deflagraram a ilha na segunda-feira e provocaram três vítimas mortais, cerca de mil desalojados provisórios, destruição de dezenas de habitações e avultados prejuízos materiais.

"Eu vou resolver a questão de uma vez por todas", declarou o governante madeirense quando confrontado com as críticas sobre esta questão, que, adiantou, "se discute há muitos anos: se a Madeira deve ou não ter meios aéreos de combate aos fogos".

O líder madeirense argumentou que existe "um conjunto de pareceres contraditórios sobre a matéria", apontando existirem opiniões de que, devido às condições climatéricas e orográficas da Madeira, "é quase impossível e suicidário fazê-lo, por causa dos ventos, vales, etc".

"Vou resolver a questão. Vou pedir um parecer técnico ao Governo, para o mais rapidamente possível me darem um parecer relativamente a esta matéria".

Lusa

  • As ajudas no combate ao fogo na Madeira
    3:20

    País

    A ajuda que partiu do Continente e dos Açores durante a madrugada desta quarta-feira já chegou à Madeira. Na terça-feira, Miguel Albuquerque agradeceu a disponibilidade do Governo da República. O Governo Regional foi alvo de críticas, depois de Miguel Albuquerque dizer que a situação estava controlada e de "demorar demasiado tempo a pedir ajuda".

  • "Vim dar o abraço de Portugal à Madeira"

    País

    O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, aterrou esta quarta-feira no Funchal para "dar o abraço de Portugal à Madeira" e "agradecer a todos os que têm sido excecionais" no combate aos incêndios.

  • "Queremos, o mais rapidamente possível, voltar à normalidade"
    1:08

    País

    O Presidente do Governo Regional da Madeira fez o primeiro ponto da situação de hoje, no Funchal, esta manhã. De acordo com Miguel Albuquerque, deram entrada nas urgências mais de 300 pessoas. 80 pessoas continuam internadas em diferentes hospitais e, apesar da melhoria do vento, há ainda diversos focos de incêndio ativos que preocupam as autoridades. Albuquerque considera que a situação é grave mas é preciso repor a normalidade na ilha, o quanto antes.

  • Mais de um milhão de crianças em risco de morrer à fome
    1:23

    Mundo

    Cerca de 1.4 milhões de crianças estão em risco iminente de morrer à fome. Deste modo, a UNICEF faz um apelo urgente de cerca de 230 milhões de euros para levar nos próximos meses comida, água e serviços médicos a estas crianças. As imagens desta reportagem podem impressionar os espectadores mais sensíveis.

  • Vídeo amador mostra destruição na Síria
    1:04

    Mundo

    A guerra na Síria continua a fazer vítimas mortais. Um vídeo amador divulgado esta segunda-feira mostra o estado de uma localidade a este de Damasco, depois de um ataque aéreo no fim-de-semana. No ataque, 16 pessoas morreram e há várias dezenas de feridos.

  • Partidos querem eleições a 1 de outubro
    1:35
  • Identificadas 10 mil vítimas de violência em 2016
    1:32
  • Homem que esfaqueou mulher em Esmoriz é acusado de homicídio qualificado
    1:24

    País

    O homem que no sábado esfaqueou a mulher em Esmoriz está acusado de homicídio qualificado. O arguido de 50 anos foi ouvido esta segunda-feira pelo juiz de instrução e ficou em prisão preventiva, uma medida fundamentada pelo perigo de fuga e de alarme. O homem remeteu-se ao silêncio durante o interrogatório, no Tribunal de Aveiro.

  • Homem condenado a oito anos e meio por abuso sexual da mãe
    1:10

    País

    O Tribunal de Coimbra condenou esta segunda-feira um homem de 53 anos a oito anos e meio de prisão por abuso sexual da mãe e ainda por crimes de roubo e coação. A mãe, de 70 anos, sofria de problemas nervosos e consumia bebidas alcoólicas com frequência, tendo sido vítima de abuso sexual por parte do filho enquanto dormia. Os crimes cometidos remetem para o início de 2016, depois do homem já ter cumprido outras penas de prisão em Espanha.

  • Jovem de 21 anos morre colhida por comboio na linha da Beira Baixa
    0:43

    País

    Uma jovem de 21 anos morreu esta segunda-feira ao ser atropelada pelo comboio Intercidades à saída da estação de Castelo Branco, na linha da Beira Baixa. A vítima foi colhida pelo comboio que seguia no sentido Lisboa-Covilhã ao atravessar a linha de caminho de ferro. Este é um local onde não existe passagem de nível, mas habitualmente muitas pessoas arriscam fazer a travessia da linha.

  • Banco do Metro com pénis gera polémica no México

    Mundo

    Um banco em formato de homem com o pénis exposto, numa das carruagens de Metro da Cidade do México, está a gerar polémica. A iniciativa integra uma campanha contra o assédio sexual de que as mulheres são vítima no país.