sicnot

Perfil

País

PSD/Madeira cancela comício de rentrée política no Porto Santo

O PSD/Madeira anunciou esta quarta-feira o cancelamento do comício de rentrée política que estava marcado para o Porto Santo a 19 de agosto devido aos incêndios que têm assolado a região nos últimos dias.

Em comunicado, o PSD/Madeira explica que "não estão reunidas as condições para a realização do comício de rentrée política, marcado para o dia 19 de agosto no Porto Santo, ficando o mesmo sem efeito".

"Neste momento de grande aflição e dor para muitas famílias madeirenses, não poderíamos também deixar de manifestar a nossa solidariedade para com aqueles que foram mais atingidos por esta calamidade, em particular os que perderam familiares nesta tragédia, mas também todos os que viram as chamas destruírem as suas casas e outros bens", acrescenta o mesmo comunicado.

O PSD/Madeira deixa também uma "palavra de apoio ainda para todos aqueles que estiveram e estão no terreno e que tudo têm feito para salvaguardar vidas humanas e bens".

"Muitos deles, mesmo não tendo sido diretamente afetados pelos fogos, não hesitaram em contribuir no combate aos incêndios e no auxílio aos desalojados, demonstrando, uma vez mais, o grande espírito de solidariedade dos madeirenses", enaltece.

O Funchal foi o concelho mais afetado pelos incêndios que deflagraram na tarde de segunda-feira, e provocaram três vítimas mortais na zona da Pena (Santa Luzia), cerca de mil desalojados, dezenas de casas destruídas e avultados prejuízos materiais.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, desloca-se esta quarta-feira à Madeira e o primeiro-ministro, António Costa, segue para o Funchal na quinta-feira para se inteirarem da situação na ilha provocada pelos incêndios.

Os hospitais dos Marmeleiros e João de Almada, os lares de idosos de Santa Isabel e Vale Formoso, as clínicas de Santa Luzia e Santa Catarina, além de centenas de moradias tiveram de ser evacuados.

A zona histórica de São Pedro, na baixa da cidade, foi uma das áreas onde chegou o fogo, tendo sido necessário retirar hóspedes de uma das unidades hoteleiras.

Lusa

  • "Os governos são diferentes mas o povo é o mesmo"
    0:45

    Economia

    O Presidente da República atribui o resultado do défice do ano passado ao espírito de sacrifício do povo português. Num jantar em Coimbra para assinalar o Dia do Estudante, Marcelo Rebelo de Sousa considerou ainda que o valor do défice de 2016 é a prova de que com governos diferentes conseguem-se os mesmos objetivos.

  • Recuo na saúde é primeira derrota de peso para Donald Trump
    1:18

    Mundo

    O Presidente norte-americano sofreu esta sexta-feira uma derrota de peso. O líder da Câmara dos Representantes retirou a proposta do plano de saúde de Trump, que se preparava para um chumbo na câmara baixa do Congresso. Para já, mantém-se o Obamacare.

  • Pai do piloto da Germanwings defende inocência do filho

    Mundo

    O pai de Andreas Lubitz declarou esta sexta-feira que o filho não é o responsável pelo embate do avião da Germanwings contra um local montanhoso, que fez 150 mortos. O Ministério Público alemão concluiu em janeiro que o incidente em 2015 foi apenas da responsabilidade do piloto.