sicnot

Perfil

País

Cerca de 90 carros ardidos no Andanças continuam por reclamar

Cerca de 90 veículos ardidos no estacionamento do festival Andanças, em Castelo de Vide, Portalegre, continuam por reclamar pelos proprietários, mais de uma semana após o incêndio, disse à agência Lusa fonte da GNR.

O oficial de relações públicas do Comando Territorial de Portalegre da Guarda, tenente-coronel José Moisés, adiantou que as viaturas estão identificadas e há o registo de quem são os proprietários, que, no entanto, ainda não as reclamaram.

O número total de veículos destruídos totalmente ou parcialmente no incêndio, ocorrido no dia 03 deste mês, foi de 458, referiu o responsável da GNR, indicando que, quanto às causas, continuam em curso as investigações a cargo da Polícia Judiciária (PJ), embora "não existam indícios de crime".

A GNR, segundo o mesmo oficial, já procedeu à "entrega" do parque de estacionamento e das 89 viaturas por reclamar à organização do evento.

"Nós entregámos um número significativo de viaturas (89) e do parque de estacionamento à organização do festival, que, como tem interesse em libertar o espaço, vai contactar os proprietários", frisou.

"O processo está a fluir normalmente, embora seja importante perceber que ainda estão no estacionamento cerca de 400 viaturas, que aguardam remoção", salientou.

Contactada pela Lusa, Catarina Serrazina, da organização do "Andanças", escusou-se a avançar pormenores do processo com a seguradora do festival, declarando apenas que a situação é "muito excecional".

"Ainda não temos informações, continuamos à espera", disse.

A 21.ª edição do "Andanças" - Festival Internacional de Música e Danças Populares, que terminou no domingo, decorreu ao longo de sete dias numa área de 28 hectares nas margens da albufeira de Póvoa e Meadas, no concelho de Castelo de Vide, distrito de Portalegre.

O festival é anualmente promovido pela Pédexumbo - Associação para a Promoção da Música e Dança.

Lusa

  • Surto de hepatite A em Portugal
    2:45

    País

    Há um surto de hepatite A em Portugal. Desde janeiro, 105 pessoas foram diagnosticadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, um número superior aos casos contabilizados em todo o país nos últimos 40 anos. O surto terá começado na Holanda e está a atingir quase toda a Europa. A Direção-Geral de Saúde vai divulgar ainda esta terça-feira as normas de orientação clínica para que os médicos possam lidar da melhor maneira com este surto.

  • Bruno de Carvalho e Octávio Machado suspensos

    Desporto

    O presidente do Sporting, Bruno de Carvalho, e o diretor-geral para o futebol, Octávio Machado, foram esta terça-feira suspensos pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência de uma queixa apresentada pelo Benfica em novembro de 2015.

  • Corredora exausta é levada ao colo até à meta na meia maratona do amor
    1:06

    Mundo

    Aconteceu este domingo em Filadélfia, EUA. A poucos metros da meta uma corredora exausta é amparada por dois colegas. Mas o cansaço é tanto que fica sem força nas pernas. É quando aparece a terceira ajuda. Um homem volta para trás e leva-a no colo até à meta. A centímetros do fim larga-a para que a corredora possa atravessar a meta pelo seu próprio pé.

    Patrícia Almeida

  • Kennedy acreditava que Hitler estava vivo

    Mundo

    Um diário de John F. Kennedy vai a leilão em Boston, nos Estados Unidos da América. O diário foi escrito durante a sua breve carreira como jornalista, depois da 2.ª Guerra Mundial. No livro, foram expostas algumas teorias do antigo Presidente norte-americano, como a possibilidade de Hitler estar vivo.

    Ana Rute Carvalho