sicnot

Perfil

País

"Meios aéreos não podem entrar em zonas habitacionais, explica secretário de Estado

"Meios aéreos não podem entrar em zonas habitacionais, explica secretário de Estado

Nos últimos dias, têm sido várias as populações das zonas afetadas pelos incêndios a queixarem-se da falta de meios aéreos. O secretário de Estado da Administração Interna, Jorge Gomes, diz perceber o desespero das pessoas mas explica que os meios aéreos não podem entrar em zonas habitacionais.

  • As ajudas no combate ao fogo na Madeira
    3:20

    País

    A ajuda que partiu do Continente e dos Açores durante a madrugada desta quarta-feira já chegou à Madeira. Na terça-feira, Miguel Albuquerque agradeceu a disponibilidade do Governo da República. O Governo Regional foi alvo de críticas, depois de Miguel Albuquerque dizer que a situação estava controlada e de "demorar demasiado tempo a pedir ajuda".

  • "Encontrei uma força de ânimo, uma determinação"
    1:30

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa confessou que ficou impressionado com a força e determinação das pessoas na visita à Madeira. O Presidente da República fez questão de se deslocar às zonas mais atingidas pelos fogos das últimas horas e garantiu que apoio não vai faltar. Marcelo promete voltar à Madeira dentro de 15 dias para ver os trabalhos de recuperação do incêndio.

  • Mais cinco ilhas dos Açores sob aviso vermelho

    País

    O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) elevou esta quarta-feira para vermelho o aviso para as cinco ilhas do grupo central dos Açores, onde no Faial o vento atingiu os 150 quilómetros por hora.

  • Uma alternativa aos serviços de enfermagem ao domicílio
    7:34
  • As primeiras palavras de um dos sobreviventes da Chapecoense
    0:29
  • Familiares de vítimas procuram destroços do MH370
    1:48

    Voo MH370

    Um grupo de familiares das vítimas do avião das linhas aéreas da Malásia, desaparecido em 2014, procuram destroços do aparelho em Madagáscar. As autoridades malaias estudam a posssibilidade de uma nova operação de buscas.

  • Primeiro-ministro em lágrimas ao reencontrar refugiado que recebeu no Canadá em 2015

    Mundo

    Justin Trudeau desfez-se em lágrimas no reencontro com um refugiado sírio, que ele recebeu no Canadá em 2015. No ano passado, Trudeau recebeu pessoalmente os refugiados no aeroporto, onde foi visto a entregar casacos de inverno aos migrantes. Esta segunda-feira, o primeiro-ministro conheceu algumas das famílias que se estabeleceram no país, numa reunião filmada pela emissora canadiana CBC.