sicnot

Perfil

País

Dominados incêndios em Anadia e Arouca

ESTELA SILVA

Os incêndios em Anadia e Arouca, dois dos maiores que lavram no distrito de Aveiro, estão dominados, segundo a página da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) na Internet.

O fogo que começou às 14:35 de segunda-feira nas freguesias de Janarde e Covelo de Paivó, em Arouca, destruiu uma casa, três viaturas e uma parte dos passadiços do Paiva, uma estrutura que atrai milhares de visitantes e que já tinha sido atingida pelas chamas há cerca de um ano.

No local, segundo a página da ANPC na Internet, atualizada às 20:30, permanecem 391 operacionais, apoiados por 132 viaturas e cinco meios aéreos.

Foi também dominado, segundo a página na internet da ANPC, o fogo que lavrava há quase dois dias no concelho de Anadia.

Este incêndio que começou às 02:27 de quarta-feira, na freguesia de Vila Nova de Monssaros, entrou no concelho vizinho da Mealhada e chegou a ameaçar a Mata do Buçaco.

Apesar de o incêndio estar dominado, permanecem no local quase 300 operacionais, apoiados por 92 viaturas e quatro meios aéreos.

Além de Anadia e Arouca, o distrito de Aveiro tem mais dois incêndios que fazem parte da lista de "ocorrências importantes" destacadas pela ANPC (com mais de três horas e mais de 15 meios de socorro).

O incêndio no concelho de Águeda, no distrito de Aveiro, que está a lavrar há quatro dias, é o que mobiliza mais meios - 393 operacionais, 120 viaturas e cinco meios aéreos.

Em declarações à Lusa, o presidente da Câmara de Águeda, Gil Nadais, disse que as chamas já passaram para o concelho vizinho de Sever do Vouga e vincou que a situação está "muito complicada".

"O fogo saiu do concelho e já entrou em Sever do Vouga, nas zonas de Talhadas e Doninhas. Os homens que estavam aqui em Águeda já foram para Doninhas proteger a população. Temos muitos quilómetros de frente", disse o autarca.

Ainda no distrito de Aveiro, em Albergaria-a-Velha, 136 homens e 44 meios terrestres combatiam um outro fogo rural que se reativou na localidade de Foz.

Já hoje, o Ministério da Administração Interna informou que o Governo alugou um avião pesado Canadair durante três dias - sexta-feira, sábado e domingo - para ajudar no combate aos incêndios que lavram no distrito de Aveiro.

A caminho do distrito de Aveiro estão ainda 11 pelotões do exército, com 232 homens, para fazer vigilância e ações de consolidação e rescaldo.

Lusa

  • Chamas perto da povoação de Vale da Mó
    2:24

    País

    O incêndio em Anadia parecia estar controlado de manhã. Contudo, mais de 300 bombeiros e dois aviões continuam a combater as chamas em Anadia, num esforço sobre-humano. As chamas estão perto da povoação de Vale da Mó. A população tenta ajudar os bombeiros, que não conseguiram impedir a destruição de algumas casas na zona.

  • Mata do Buçaco chegou a estar em risco mas fogo passou ao lado
    4:25

    País

    A Mealhada vive hoje um dia mais tranquilo, mas nos últimos dias arderam no concelho mais de mais de 3 mil hectares de floresta. Há muitos anos que não se via um incêndio assim. A mata do Buçaco chegou a estar em risco. As chamas não chegaram lá, mas andaram à volta também com os fogos de Anadia e Mortágua.

  • Vento forte propaga o fogo em Anadia
    2:05

    País

    Há seis dias que os incêndios ameaçam populações e destroem floresta no distrito de Aveiro. Os concelhos de Anadia, Águeda e Arouca são os mais atingidos. Nas últimas horas, os bombeiros conseguiram evitar que o fogo atingisse a aldeia de Vale da Mó, em Anadia.

  • Funcionários públicos hoje em greve
    1:37

    Economia

    Os funcionários públicos estão hoje em greve. A paralisação pode fechar algumas escolas, centros de saúde e outros serviços públicos. O fim da precariedade e o reforço de pessoal são duas das reivindicações do protesto.

  • Oliveira Costa "era incompetente para todos os lugares em que eu o vi"
    3:12

    Quadratura do Círculo

    O caso BPN esteve em destaque no programa Quadratura do Circulo desta quinta-feira. Pacheco Pereira relembrou que os maiores prejuízos são posteriores à nacionalização e responsabiliza José Sócrates. O Jorge Coelho disse que se fez justiça e que é uma prova que o Estado de direito português está a funcionar. Lobo Xavier garantiu também que Oliveira Costa era incompetente por natureza.

  • Nove distritos sob aviso amarelo devido à chuva

    País

    Nove distritos de Portugal continental estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de aguaceiros por vezes fortes e de granizo, acompanhados de trovoada e rajadas fortes, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). Bragança, Viseu, Porto, Vila Real, Guarda, Viana do Castelo, Castelo Branco, Coimbra e Braga são os distritos sob aviso o amarelo, o terceiro mais grave de uma escala de quatro.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.