sicnot

Perfil

País

"Militares deviam estar já envolvidos no rescaldo"

"Militares deviam estar já envolvidos no rescaldo"

O presidente da Associação Nacional de Bombeiros Profissionais critica a aparente falta de estratégia no combate aos fogos e chama a atenção para o cansaço. Alguns homens estão há "dezenas de horas" numa verdadeira guerra contra as chamas.

Em entrevista à SIC Notícias, Fernando Curto disse que os "militares deviam estar já envolvidos no rescaldo" dos incêndios, poupando o trabalho dos bombeiros para a linha da frente.

Numa situação normal, um bombeiro não deveria estar mais de cinco horas em ação, mas neste momento há quem esteja "algumas dezenas de horas" sem descansar, segundo o presidente da associação.

Fernando Curto afirmou que já vários bombeiros aposentados se ofereceram para participar no combate aos incêndios.

Quanto ao pedido de ajuda que Portugal fez, Fernando Curto considera que "a Europa podia e devia ter respondido melhor".

  • Confirmada prisão dos portugueses que gravaram nome no portão de Auschwitz

    Mundo

    Dois adolescentes católicos portugueses foram condenados a um ano de prisão com pena suspensa, por terem gravado os nomes na porta da entrada principal de Auschwitz-Birkenau. O tribunal de primeira instância de Oswiecim já tinha condenado os jovens e o tribunal de Cracóvia confirmou esta quarta-feira a pena aplicada.

  • Temer pode cair menos de um ano depois da queda de Dilma
    3:06
  • Imagens do resgate de crianças feridas num bombardeamento na Síria
    2:00

    Mundo

    Os Estados Unidos acusam o regime sírio de estar a preparar um novo ataque químico e avisam Bashar al-Assad que vai pagar caro se o concretizar. No terreno, os ataques aéreos continuam a fazer vítimas civis. Da periferia de Damasco chegam imagens dramáticas do resgate de duas crianças feridas num bombardeamento.

  • Quem é a mulher que diz ser filha de Salvador Dalí

    Cultura

    Maria Pilar Abel Martínez nasceu em 1956 e será o alegado fruto de um caso entre a sua mãe e Salvador Dalí. Um tribunal de Madrid ordenou a exumação do cadáver do pintor e a obtenção de amostras, de modo a determinar se a mulher espanhola é mesmo filha de Dalí.