sicnot

Perfil

País

PJ deteve mulher que provocou incêndio em limpeza de mato em Paredes

A Polícia Judiciária (PJ) do Porto anunciou hoje a detenção de uma mulher de 53 anos pela presumível autoria de um crime de incêndio florestal, ocorrido na quarta-feira em Lordelo, concelho de Paredes.

Em comunicado, a PJ refere que o fogo terá sido provocado com recurso a um isqueiro, "num aparente quadro de limpeza de mato, para recolha de lenha".

A PJ acrescenta que a detenção, consumada em colaboração com a GNR, foi o culminar de diligências desenvolvidas na sequência de uma ignição florestal ocorrida na quarta-feira, junto a uma urbanização residencial e industrial na freguesia de Lordelo.

O incêndio "causou grande alarme social, dada a proximidade das habitações e armazéns".

A detida, doméstica, vai ser presente à competente autoridade judiciária, para primeiro interrogatório judicial e aplicação das respetivas medidas de coação.

Em 2016, a Polícia Judiciária já identificou e deteve 28 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Lusa

  • Rúben Lima nega crimes de corrupção no processo Cashball
    6:04

    Desporto

    Rúben Lima, um dos oito jogadores suspeitos de terem sido aliciados por intermediários ao serviço do Sporting para beneficiar o clube de Alvalade, nega todos os crimes investigados pela Polícia Judiciária. Numa entrevista exclusiva à SIC, o jogador do Moreirense garante que não conhece nenhum dos quatro arguidos detidos no âmbito do processo Cashball.

    Exclusivo SIC

  • Partido Podemos com votação inédita em Espanha
    1:32

    Mundo

    Há uma votação inédita em Espanha. O Podemos começou esta terça-feira a decidir a continuidade do líder do partido, depois de Pablo Iglesias e a companheira terem comprado uma casa de 600 mil euros.

  • A maior obra de reconversão urbana em Portugal 20 anos depois
    3:47