sicnot

Perfil

País

Proteção Civil acredita que fogos na Madeira estarão "completamente controlados"

O comandante operacional da Autoridade Nacional de Proteção Civil manifestou a convicção de que a situação dos incêndios da Madeira poderá estar "completamente controlada" ainda durante a noite desta sexta-feira.

"É espetável que no final do dia de hoje a situação se encontre completamente controlada", uma vez que "os trabalhos estão a decorrer favoravelmente", afirmou o comandante José Manuel Moura, durante uma conferência de imprensa realizada ao início da noite em Carnaxide, Lisboa.

Segundo o mesmo responsável, o dia de hoje na Ilha da Madeira, mas também em Portugal Continental, foi "muito positivo", uma melhoria que fez questão de atribuir às equipas que estão a trabalhar no terreno "em condições meteorológicas extremamente adversas".

Assim, durante todo o dia de hoje, a Proteção Civil registou 260 ocorrências em Portugal continental, que obrigaram à mobilização de 4.600 homens, 1.200 meios de apoio e 87 missões com meios aéreos.

Foi ainda preciso mobilizar 31 grupos de reforço, que foram enviados para o norte do país.

Lusa

  • Frio no fim de semana, regiões do interior podem chegar aos -5 °C
    1:23
  • Bombeiro ferido nos fogos de Pedrógão Grande regressou a casa
    2:33

    Tragédia em Pedrógão Grande

    Seis meses depois dos incêndios de Pedrógão Grande, regressou a casa o último dos bombeiros de Castanheira de Pera que estava internado desde junho. Rui Rosinha esteve em coma mais de dois meses e tem ainda pela frente uma longa recuperação. O bombeiro não quer que o país esqueça o que aconteceu e espera que as duas tragédias deste ano (fogos de junho e outubro) sirvam de lição para o futuro.

  • Pedrógão Grande, seis meses depois - documentário Expresso
    0:29
  • Ilhas Selvagens são um tesouro no Atlântico que é preciso preservar
    2:33
  • PS volta a subir nas intenções de voto e não baixa dos 40%
    2:01