sicnot

Perfil

País

Quatro meios áreos mobilizados para Mondim de Basto

Quatro meios aéreos foram mobilizados para auxiliar os 133 operacionais que estão a combater o incêndio de Mondim de Basto, que está a queimar área protegida, e onde uma reativação está a causar preocupações.

O comandante operacional distrital de Vila Real, Álvaro Ribeiro, disse à agência Lusa que o incêndio chegou a estar controlado nas registou nas últimas horas uma reativação auxiliada "pelo vento forte que se começou a sentir".

"Neste momento temos uma frente muito ativa e extensa auxiliada pelo vento, na orientação da aldeia do Barreiro. Estamos a concentrar meios terrestres e aéreos a ver se conseguimos conter mas a dificuldade principal é sempre o vento", afirmou.

Para o local foram mobilizados dois aviões e dois helicópteros. No terreno estão 133 operacionais e 33 viaturas.

O alerta para o fogo foi dado às 00:23, numa zona de pinhal, carvalhal e mato da freguesia de Varzigueto, aldeia de Mondim de Basto, localizada em pleno Parque Natural do Alvão.

O presidente da Câmara de Mondim de Basto, Humberto Cerqueiro, olha com preocupação para este fogo que disse que "está a queimar uma área protegida", de pinhal e carvalhal.

O autarca falou "numa área muito extensa que já foi dizimada pelo fogo", sendo esta a maior ocorrência registada este ano no concelho, e referiu que o vento, as altas temperaturas e o mato seco criam condições difíceis para o combate ao incêndio.

Humberto Cerqueira referiu ainda que a hora a que as chamas deflagraram, por volta da meia-noite, aponta para que se "trate de uma situação de fogo posto".

Em agosto de 2013, um grande incêndio dizimou a "maior mancha florestal" deste concelho.

O outro fogo que estava a queimar a serra do Alvão, em Sirarelhos, concelho de Vila Real, já foi extinto, encontrando-se em vigilância.

Às 17:00 estavam 10 fogos ativos no distrito de Vila Real, que mobilizavam 189 operacionais, 50 viaturas e quatro meios aéreos.

Lusa

  • Funcionários públicos hoje em greve
    1:37

    Economia

    Os funcionários públicos estão hoje em greve. A paralisação pode fechar algumas escolas, centros de saúde e outros serviços públicos. O fim da precariedade e o reforço de pessoal são duas das reivindicações do protesto.

  • Oliveira Costa "era incompetente para todos os lugares em que eu o vi"
    3:12

    Quadratura do Círculo

    O caso BPN esteve em destaque no programa Quadratura do Circulo desta quinta-feira. Pacheco Pereira relembrou que os maiores prejuízos são posteriores à nacionalização e responsabiliza José Sócrates. O Jorge Coelho disse que se fez justiça e que é uma prova que o Estado de direito português está a funcionar. Lobo Xavier garantiu também que Oliveira Costa era incompetente por natureza.

  • Nove distritos sob aviso amarelo devido à chuva

    País

    Nove distritos de Portugal continental estão hoje sob aviso amarelo devido à previsão de aguaceiros por vezes fortes e de granizo, acompanhados de trovoada e rajadas fortes, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). Bragança, Viseu, Porto, Vila Real, Guarda, Viana do Castelo, Castelo Branco, Coimbra e Braga são os distritos sob aviso o amarelo, o terceiro mais grave de uma escala de quatro.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.