sicnot

Perfil

País

Risco máximo de incêndio em 23 concelhos

Nuno Andre Ferreira/ Lusa

O risco de incêndio é hoje máximo em 23 concelhos de Portugal continental, principalmente no norte e centro do país, e muito elevado em cerca de uma centena de outros distribuídos por todo, segundo dados do IPMA.

Na sua página na internet, mais a norte, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) estima um risco de incêndio máximo nos concelhos de Vila Pouca de Aguiar e Ribeira de Pena, no distrito de Vila Real, e Cabeceiras de Basto, no distrito de Braga.

No distrito de Viseu são os concelhos de Castro Daire, Vila Nova de Paiva e Moimenta da Beira que apresentam risco máximo, enquanto que no distrito da Guarda a lista inclui Aguiar da Beira, Trancoso, Fornos de Algodres, Celorico da Beira, Gouveia, Sabugal e Guarda.

Arganil, Pampilhosa da Serra, Góis (distrito de Coimbra), Oleiros e Sertã (Castelo Branco), Pedrogão Grande (Leiria), Vila de Rei (Castelo Branco), Mação e Sardoal (Santarém) são os restantes concelhos em risco máximo de incêndio a que se junta Monchique (Faro) o único mais a sul.

Na informação meteorológica do IPMA, estão oito distritos de Portugal continental sob 'Aviso Amarelo' devido à previsão de temperaturas elevadas.

Bragança, Évora, Guarda, Vila Real, Setúbal, Santarém, Beja e Castelo Branco são os distritos com 'Aviso Amarelo', o terceiro mais grave numa escala de quatro e significa "risco para determinadas atividades".

No arquipélago da Madeira, o 'Aviso Amarelo' é para tempo quente, mas também para o vento nas costas norte e sul, assim como na região montanhosa, enquanto em Porto Santo é só para a temperatura.

Lusa

  • Autarca de S. Pedro do Sul confiante na ajuda dos meios aéreos
    2:03

    País

    Pelo segundo dia consecutivo S. Pedro do Sul é o concelho que mais preocupa as autoridades no mapa de incêndios. A noite foi complicada com várias frentes de fogo. Várias aldeias estiveram cercadas pelas chamas e foram evacuadas. Há um homem ferido em estado grave. O presidente da Câmara de S. Pedro do Sul, Vítor Figueiredo, mostrou-se esperançado de que o incêndio possa evoluir favoravelmente durante o dia de hoje, com a ajuda dos meios aéreos.

  • Duas fábricas consumidas pelas chamas em Cascais
    1:40

    País

    Este sábado um incêndio alarmou a população de Talaíde, no concelho de Cascais. Só há danos materiais a registar mas ainda assim dezenas de moradores não ganharam para o susto quando as chamas se aproximaram das casas. Uma fábrica de bicicletas e outra de paletes de madeira foram totalmente consumidas pelo fogo.

  • Incêndio de Ponte Lima dado como extinto
    1:39

    País

    Em Ponte de Lima, o incêndio que chegou a ter duas frentes ativas,foi dominado pelos bombeiros ao início da tarde deste domingo e já foi dado como extinto. Estiveram envolvidos no combate às chamas mais de 60 operacionais.

  • Depois das chamas em Anadia, é hora de fazer contas
    3:13

    País

    O incêndio de Anadia deu finalmente tréguas aos bombeiros. As chamas que esta semana lavraram durante três dias e que alastraram a Mealhada e Mortágua, deixaram um rasto de destruição. Agora começam-se a fazer as primeiras contas aos prejuízos que ao que tudo indica poderão atingir as centenas de milhares de euros.

  • Encontrados destroços do avião que caiu no Irão

    Mundo

    As autoridades iranianas encontraram destroços do avião que caiu no domingo no sudeste do país, matando as 66 pessoas que seguiam a bordo, revelou um porta-voz da Guarda Revolucionária, o exército de elite do regime.

  • 2,6 milhões de bebés morrem antes de completar um mês

    Mundo

    Os recém-nascidos no Paquistão, República Centro-Africana e Afeganistão são os que têm menor probabilidade de sobreviver, de acordo com um relatório da Unicef que revela que todos os anos 2,6 milhões de crianças morrem antes de completar um mês. Sobretudo nos países mais pobres do mundo, o número de mortes de recém-nascidos a nível global mantém-se assustadoramente elevado.

  • Galp regista lucro de 602 M€ em 2017 

    Economia

    A Galp registou um lucro de 602 milhões de euros no ano passado. Uma subida de 25 por cento em relação a 2016. De acordo com a empresa, os resultados devem-se sobretudo ao aumento da produção de petróleo e gás natural no Brasil, bem como o crescimento dos negócios da refinação e distribuição.

  • Mulher enterrada viva no Brasil
    1:13

    Mundo

    Uma mulher de 37 anos terá sido enterrada viva no oeste da Bahia, no Brasil. A certidão de óbito aponta um choque séptico como a causa da morte, mas os ferimentos com que foi encontrada no interior do caixão indicam um possível erro. Os moradores de casas vizinhas do cemitério municipal onde Rosângela dos Santos foi enterrada ouviram gritos vindos do túmulo.

  • "Os Estados Unidos são uma sociedade de pistoleiros"
    3:47
  • Trump desafia Oprah a candidatar-se para ser derrotada

    Mundo

    Apesar de Oprah Winfrey ter excluído uma eventual candidatura às eleições presidenciais dos Estados Unidos da América, Donald Trump ainda não se esqueceu dos rumores e desafiou a apresentadora a candidatar-se em 2020. Através do Twitter, o Presidente norte-americano disse ainda que assim poderia ser "exposta e derrotada como todos os outros".

    SIC