sicnot

Perfil

País

Incêndio em Soure dado como dominado

O incêndio que lavra em Soure, no distrito de Coimbra foi dado como dominado perto das 23:00, segundo informação disponibilizada no site da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

A combater o fogo, em mato, que chegou a ter duas frentes ativas e teve início na localidade de Valada, estavam, pelas 23:00, 249 operacionais apoiados por 76 meios terrestres.

Além deste incêndio, surge ainda no site da ANPC como "ocorrência importante, um fogo em Pinhel, no distrito da Guarda, que pelas 23:00 mobilizava 204 operacionais, apoiados por 63 meios terrestres.

Este fogo, em mato e com três frentes ativas, teve início pelas 13:15, na freguesia de Vale do Côa.

A ANPC destaca no site como "ocorrências importantes" os fogos com duração superior a três horas e com mais de 15 meios de proteção e socorro envolvidos, mas apenas contempla os incidentes do continente, já que as regiões autónomas têm serviços próprios nesta área.

Lusa

  • Mais de 200 operacionais combatem fogo em Soure

    País

    Cerca de 239 operacionais, apoiados por 73 meios terrestres, combatiam hoje, pelas 21:58, um incêndio em Soure, no distrito de Coimbra, segundo informação disponibilizada no site da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC).

  • Fogo em Setúbal dominado
    2:31

    País

    O incêndio que deflagrou na terça-feira em Setúbal está dominado. As chamas chegaram a ameaçar as casas, o que obrigou à retirada de cerca de 500 pessoas das habitações, como medida de precaução. Também o Hotel do Sado teve de ser evacuado.

  • "Lancei um tema que os portugueses há muito queriam discutir"
    11:26
  • Danos Colaterais 
    18:55
    Reportagem Especial

    Reportagem Especial

    Jornal da Noite

    Nos últimos oito anos a banca perdeu 12 mil profissionais. A dimensão de despedimentos no setor é a segunda maior da economia portuguesa, só ultrapassada pela construção civil. A etapa mais complexa da história começou em 2008, com a nacionalização do BPN. Desde então, as saídas têm sido a regra. A reportagem especial desta terça-feira, "Danos Colaterais", dá voz aos despedidos da banca.