sicnot

Perfil

País

Resgatados 26 banhistas retidos em praia de Lagoa pela subida da maré

Um grupo de 26 banhistas, entre os quais oito crianças, foi resgatado de uma zona isolada da praia da Marinha, em Lagoa, depois de ter ficado retido devido à subida da maré, foi anunciado esta quinta-feira.

Em comunicado, a Autoridade Marítima Nacional refere ter recebido o alerta via 112, às 21:30 de quarta-feira, adiantando que os banhistas, 18 adultos e oito crianças, de nacionalidade espanhola e portuguesa, estavam recolhidos numa gruta, na zona poente da praia, numa altura em que se registava a preia-mar.

Em declarações à Lusa, o comandante da capitania do porto de Portimão, Rui Santos Pereira, explicou que as pessoas não se aperceberam de que a maré tinha atingido o seu nível mais alto, o que, naquela zona da praia, impossibilita o acesso ao areal.

Para o local foram deslocadas duas equipas e duas embarcações, do Instituto de Socorros a Náufragos (ISN) e da Polícia Marítima, mas não foi possível retirar as pessoas por mar devido à forte ondulação, com uma altura de dois metros, impedindo que as embarcações conseguissem aproximar-se da costa.

A operação de resgate durou quase duas horas, período durante o qual um dos tripulantes da lancha do ISN ficou com o grupo, enquanto a Polícia Marítima ficou na zona nascente da praia.

Foi mantida uma embarcação nas imediações, para apoiar em caso de necessidade.

Segundo Rui Santos Pereira, o grupo já tinha tentado sair da praia durante a enchente, mas não conseguiu, devido ao facto de aquela praia estar dividida por uma zona de rochas e de só ser possível sair pela areia quando a maré está completamente vazia.

Às 23:15, já com a maré a baixar, o tripulante do salva-vidas em terra, com o apoio da Polícia Marítima na zona nascente da praia, conseguiu retirar todas as pessoas para a zona segura da praia.

O comandante da capitania do porto de Portimão aproveitou para apelar aos banhistas para terem cuidado com as zonas que escolhem e, caso não conheçam as praias, para pedirem informações aos nadadores-salvadores.

O responsável pediu ainda aos utentes das praias que cumpram as instruções dos nadadores-salvadores, observando que este ano "tem havido muitos registos de incumprimento, sobretudo no que respeita às bandeiras".

Lusa

  • Manuel Delgado demitiu-se devido a "grave violação da privacidade"

    País

    O ex-secretário de Estado da Saúde diz que apresentou a demissão para "não perturbar nem criar qualquer tipo de embaraço ao normal funcionamento do Governo". Num comunicado, Manuel Delgado esclarece que foi remunerado pelo trabalho de consultor na Raríssimas "muito antes" da entrada no Governo e acrescenta que respeitou na íntegra todo o quadro legal e ético.

  • O que vai mudar nos recibos verdes
    2:55

    Economia

    Os trabalhadores independentes vão descontar menos para a Segurança Social já no próximo ano. A taxa vai descer dos 29,6% por cento para os 21,4%. A descida será compensada por um aumento das contribuições pagas pelos patrões. Há também alterações em caso de desemprego e o subsídio de doença passa a ser pago ao fim de 10 dias em vez de 31.

  • Tripulantes da TAP acusam companhia de desrespeitar compromissos
    3:16

    Economia

    O Sindicato que representa os tripulantes da TAP acusa a empresa de estar a violar a lei. A companhia aérea portuguesa denunciou unilateralmente o acordo de empresa com os tripulantes e apresentou novas condições, que o sindicato considera indignas. Diz que os tripulantes fizeram esforços pela companhia no verão e que agora estão a ser desrespeitados.

  • Uma "Árvore da Esperança" pelas vítimas dos fogos
    2:01
  • Bebé nasce com coração fora do peito e sobrevive
    2:06
  • Zapatou volta a eleger os melhores vídeos da internet
    6:28