sicnot

Perfil

País

Três mulheres encontradas mortas numa quinta em Tires

Em atualização

Três mulheres encontradas mortas numa quinta em Tires

A Polícia Judiciária encontrou os corpos de três mulheres brasileiras que estavam desaparecidas desde fevereiro. Os inspetores da Unidade Nacional Contra o Terrorismo estão no local, em Tires. Duas das mulheres são irmãs, a terceira era uma amiga. Foram encontradas num tanque junto a um hotel de cães, nesta zona do concelho de Cascais.

A esta hora já terá sido resgatado o corpo de Michelle Santana Ferreira, de 28 anos, que estava grávida de três meses do alegado assassino, o namorado, também brasileiro Dinai Alves Mendes.


O suspeito trabalhava no hotel de animais, em Tires, terá confessado o triplo homicídio à Polícia Federal brasileira. Terá sido a partir do Brasil que a Polícia Judiciária conseguiu chegar ao tanque onde estavam escondidos os corpos. Foram também assassinadas a irmã de Michelle, Lidiana Neves Santana, de 16 anos e ainda uma amiga, Thayane Mendes Dias, de 21 anos.

As três mulheres constavam na página de desaparecidos da Interpol.

  • Autoridades encontram corpos de três mulheres em Tires

    País

    Três mulheres foram encontradas mortas numa quinta perto do aeródromo de Tires, em Cascais. A Polícia Judiciária confirma que se trata de um caso de homicídio. Uma das jovens é de Nova Venécia, no Noroeste do Espírito Santo, no Brasil, e as duas amigas, que são irmãs, de Minas Gerais. Estavam desaparecidas desde fevereiro. Este é um caso que está a ser seguido pela Unidade Contra o Terrorismo.

  • Atacantes de Barcelona "não estão a caminho da nossa fronteira"
    7:00

    Ataque em Barcelona

    O diretor da Unidade Nacional de Contraterrorismo da Polícia Judiciária esteve esta sexta-feira no Jornal da Noite para falar sobre o duplo atentado em Espanha. Luís Neves diz que o nível de ameaça em Portugal, perante os ataques, não foi alterado porque "não se detectou que tenha existido informação que possa colocar o nosso território em perigo".