sicnot

Perfil

País

Acesso à montanha do Pico encerra sexta-feira devido ao mau tempo

Reuters

​O acesso à montanha do Pico, o ponto mais alto de Portugal, vai estar encerrado esta sexta-feira à tarde devido ao agravamento das condições atmosféricas no arquipélago dos Açores, segundo anunciado.

Uma nota do Executivo Açoriano adianta que a decisão do Parque Natural da ilha do Pico prende-se com a necessidade de "proteção e segurança dos visitantes".

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) informou hoje que o furacão Gaston deverá "atingir o arquipélago dos Açores como tempestade tropical a partir do meio-dia" de sexta-feira, afetando as ilhas dos grupos ocidental e central.

Desta forma, o acesso à montanha do Pico estará encerrado a partir das 14:00 de sexta-feira (mais uma hora em Lisboa) e as 8h de sábado.

Também a casa da montanha, estrutura de apoio aos visitantes que sobem ao ponto mais alto de Portugal, com 2.351 metros de altura, estará encerrada entre as 20h de sexta-feira e as 8h de sábado.

Quanto à operação de sexta feira da empresa pública de transporte marítimo de passageiros e viaturas entre as ilhas, Atlânticoline, foi antecipada para hoje, devido à previsível "agitação marítima, acrescida de uma velocidade de vento considerável".

Em relação às viagens entre São Miguel e Santa Maria, no grupo oriental do arquipélago, a empresa informou, em comunicado, que se mantêm, "para já, no horário previsto de sexta-feira".

As previsões meteorológicas para sexta feira apontam para os grupos ocidental e central vento "muito forte" com rajadas até 110 quilómetros por hora, precipitação intensa e ondas até oito metros nas Flores e Corvo e até seis metros nas ilhas Terceira, Faial, Pico, São Jorge e Graciosa.

Espera-se que a tempestade tropical 'Gaston' diminua rapidamente de intensidade durante a sua passagem sobre o arquipélago, devendo ser absorvida por uma depressão extratropical a norte durante a tarde de sábado, explicou o IPMA.

Lusa

  • Pablo Bravo: o chileno suspeito de um assalto milionário em Gaia
    6:01

    País

    As autoridades receiam um aumento da violência nos assaltos de redes sul-americanas em Portugal, à semelhança do que tem acontecido noutros países europeus. Pablo Bravo é um chileno com um longo cadastro criminal que, em Portugal, é suspeito de um assalto milionário a um hipermercado, em Gaia e, dias depois, foi detido em flagrante, em Paris, a tentar roubar uma loja de relógios de luxo.

    Notícia SIC

  • Obras para as novas instalações da SIC já começaram
    1:54

    País

    As obras do novo estúdio da SIC e SIC Notícias vão começar. A ampliação do edifício do grupo Impresa vai unir os funcionários do grupo num único espaço, com uma área de 750 metros. O Presidente da Câmara de Oeiras entregou esta terça-feira a licença de obra.

  • Já há destinos esgotados para o Carnaval e Páscoa
    3:08

    Economia

    A procura de viagens na altura do Carnaval e Páscoa tem vindo a aumentar e vários destinos já estão esgotados já que muitas pessoas optam por tirar dias de férias nesta altura do ano. Em contagem decrescente, as agências de viagens não têm tido mãos a medir com promoções e ofertas para destinos variados e adequados a várias bolsas.

  • As crianças que estão a morrer à fome em África

    Mundo

    A UNICEF alertou esta terça-feira que a má nutrição aguda que afeta a Nigéria, Somália, Sudão do Sul e Iémen coloca este ano em "iminente" risco de morte 1,4 milhões de crianças devido à fome que existe naqueles países. São milhares de casos de um incessante desespero numa luta diária pela sobrevivência.

  • Cães desfilam no Rio de Janeiro
    1:00

    Mundo

    O tradicional cortejo de Carnaval brasileiro só acontece daqui a uns dias, mas no Rio de Janeiro já há inúmeros desfiles pelas ruas. Na praia de Copacabana, os animais mascararam-se de humanos.