sicnot

Perfil

País

Polícia Judiciária deteve suspeito de autoria de fogo florestal em Amarante

A Polícia Judiciária (PJ), através da Diretoria do Norte, anunciou esta quinta-feira a detenção de um suspeito de autoria de fogo florestal ocorrido em Vila Meã, no concelho de Amarante.

"A detenção foi efetuada fora de flagrante delito, no decurso de múltiplas diligências desenvolvidas para lograr identificar o autor de diversos incêndios florestais que têm ocorrido naquele concelho", lê-se num comunicado da PJ.

Segundo a autoridade policial, a detenção do arguido, de 43 anos, contou com a colaboração da GNR de Amarante.

Segundo a PJ, o crime terá sido praticado com recurso a um isqueiro.

O fogo consumiu "uma relevante parcela florestal, com predominância de pinheiros, carvalhos e eucaliptos, tendo ainda colocado em risco diversas habitações existentes nas proximidades".

O detido vai ser presente em tribunal, para primeiro interrogatório e aplicação das medidas de coação.

Desde o início do ano, a Polícia Judiciária já identificou e deteve 55 pessoas pela autoria do crime de incêndio florestal.

Lusa

  • Vaca algarvia em risco de extinção
    3:42

    País

    É uma corrida contra o tempo e o risco iminente de extinção. Numa altura em que são conhecidos apenas cinco exemplares da raça bovina algarvia, a inseminação artificial parece ser a única forma de evitar o desaparecimento completo de uma raça que foi desaparecendo com as mudanças na agricultura.