sicnot

Perfil

País

Arcos de Valdevez aciona Plano Municipal de Emergência

A Câmara de Arcos de Valdevez acionou esta terça-feira à tarde o Plano Municipal de Emergência, na sequência dos fogos que lavram na zona do Soajo, informou o vice-presidente da autarquia, Hélder Barros.

O plano foi ativado pelas 16:10.

De acordo com o 2.º comandante de operações de socorro de Viana do Castelo, Robalo Simões, o incêndio tinha, pelas 18:50, duas frentes ativas, e obrigou à evacuação do lugar de Paradela.

Foram retiradas "14 a 16 pessoas", conduzidas para o Centro de Dia do Soajo, mas entretanto algumas delas já puderam regressar a casa.

Ainda segundo Robalo Simões, a maioria dos habitantes daquele lugar recusou abandonar o local.

A Proteção Civil chegou também a equacionar a hipótese de evacuar o lugar de Várzea, mas tal ainda não aconteceu. A situação está a ser acompanhada para avaliar o evoluir das chamas.

O comandante dos Bombeiros Voluntários de Arcos de Valdevez, Filipe Guimarães, disse que o incêndio provocou "queimaduras ligeiras" no rosto e no cabelo de dois habitantes de Paradela.

Um outro habitante também teve de ser assistido, por inalação de fumos.

Os três foram conduzidos para o Hospital de Ponte de Lima.

O incêndio deflagrou pelas 09:00 e chegou a ser dado como dominado, mas, como sublinhou Robalo Simões, reacendeu "com grande potência" ao início da tarde.

No local está uma retroescavadora a abrir uma estrada até ao lugar de Adrão, "para tentar chegar à cabeça do fogo".

Lusa

  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Costa confiante no crescimento da economia e das exportações
    1:09

    Economia

    O primeiro-ministro manifestou confiança no crescimento da economia e das exportações. À margem da cerimónia dos 25 anos da Auto Europa em Portugal, António Costa deu vários exemplos de investimento estrangeiro, feito nas últimas semanas no país, e disse que os dados económicos recentes são positivos.

  • Turista italiano assassinado em favela do Rio de Janeiro
    1:01

    Mundo

    Um turista italiano de 52 anos foi assassinado numa favela do Rio de Janeiro, no Brasil, enquanto viajava com um amigo. Após várias horas com o gangue autor do crime, o amigo que se encontrava com a vítima acabou por ser libertado.

  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47